JP Morgan: Bitcoin “é uma fraude”. Criptomoeda já perdeu 20%

  • Juliana Nogueira Santos
  • 13 Setembro 2017

A moeda virtual tem sofrido golpes fortes nos últimos dias. O último veio do CEO da JP Morgan que afirmou que esta "é uma fraude". A bitcoin acumula já perdas de mais de 20% desde 1 de setembro.

Jamie Dimon, presidente executivo do JP Morgan, deixou um recado aos seus empregados que pensam em investir em bitcoin: serão despedidos por serem “estúpidos”. E, se a abordagem parece demasiado brusca, o empresário justifica-a afirmando que a criptomoeda “não vai acabar bem”. Os mercados reagiram logo de seguida, com a cotação da bitcoin a derrapar para valores abaixo dos 4.000 dólares.

“É uma fraude”, garantiu Dimon numa conferência de investidores citada pela agência Bloomberg. “Pior que a dos bolbos de túlipas”, referindo-se à especulação que, no século XVII, levou os bolbos de túlipa na Holanda a serem negociados a preços que iam até seis vezes mais o salário médio anual de um holandês. A divisa virtual tem sido um dos ativos mais populares entre os investidores, tendo atingido no dia 1 de setembro atingiu o pico mais alto de sempre, o dos 4.880,84 dólares.

"É uma fraude. Pior que a dos bolbos de tulipas.”

Jamie Dimon

CEO da JP Morgan

O presidente executivo de uma das maiores gestoras de ativos do mundo, poderá haver um mercado para a divisa, mas “é um mercado limitado”, visto que é ideal para ser utilizada “se estiver na Venezuela, no Equador ou na Coreia do Norte, se é um traficante de droga ou um assassino”. O ceticismo de Dimon vem do facto de este acreditar que os governos e os reguladores não vão permitir que esta moeda exista sem um controlo mais restrito.

Aliás, tal aviso já aconteceu, com a bitcoin a ser pressionada pelos planos da China de proibir as transações desta e de outras moedas virtuais através dos principais operadores do país. Desde então, a escalada deste ativo tão desejado tem acalmado, tendo agora sofrido um golpe forte com as palavras de Dimon. A bitcoin acumula perdas de mais de 20% desde que atingiu máximos, negociando agora nos 3.790 dólares.

Bitcoin derrapa mais de 20% desde 1 de setembro

Fonte: Bloomberg

Ainda assim, Jamie Dimon diz que não vai apostar na queda do ativo através da compra de posições curtas, visto que esta pode ser utilizada por pessoas que realmente precisam e que não têm outra opção. Para além disto, não há maneira de saber o quão alto a moeda virtual vai escalar até colapsar — e pelo que vimos no passado, nem o céu é o limite.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

JP Morgan: Bitcoin “é uma fraude”. Criptomoeda já perdeu 20%

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião