Facebook compra rede social viral entre os adolescentes

A empresa de Mark Zuckerberg comprou uma aplicação usada pelo público adolescente. Ainda não há valores sobre o negócio. Esta compra vai fortalecer a concorrência que já existe para o Snapchat.

O Facebook fez mais uma aquisição: desta vez comprou a Tbh, uma aplicação eleita pelos adolescentes. Não há dados sobre o valor envolvido no negócio mas a compra é um sinal de que a empresa de Mark Zuckerberg continua a ganhar terreno face às outras aplicações, nomeadamente o Snapchat, que tem vindo a sofrer com a concorrência cada vez mais forte.

A Tbh é uma aplicação de elogios anónimos, usada maioritariamente por utilizadores jovens. Tbh é a sigla para “to be honest” que, em português, significa “para ser honesto”, e foi criado a pensar nos adolescentes com mais de 13 anos, permitindo que os utilizadores criem pesquisas anónimas sobre eles mesmos e sobre os seus amigos.

“A Thb e o Facebook partilham um objetivo comum de construir uma comunidade e permitir que as pessoas partilhem maneiras de nos unir ainda mais“, disse a porta-voz do Facebook, Vanessa Chan, em comunicado esta segunda-feira. “Estamos impressionados pela maneira como o Tbh está a conseguir isso”.

Sem detalhes

Até agora, a empresa de Mark Zuckerberg não divulgou o valor do negócio mas, com esta aquisição, está a somar mais uma aplicação ao conjunto que se une contra o Snapchat, a rede social que foi eleita como a mais popular entre os adolescentes, segundo estudos recentes.

Apesar de estar presente apenas nos Estados Unidos, a Tbh foi transferida por mais de cinco milhões de pessoas nas últimas semanas que, no total, enviaram mais de mil milhões de mensagens. No mês passado, a Tbh posicionou-se em primeiro lugar na lista de aplicações gratuitos na Apple Store e na App Store.

Os quatro cofundadores da Tbh – Nikita Bier, Erik Hazzard, Kyle Zaragoza e Nicolas Ducdodon, vão sair dos escritórios da startup em Oakland, Califórnia, para se mudarem para a sede do Facebook, em Silicon Valley. Continuarão a trabalhar na sua aplicação e os downloads serão feitos de forma autónoma e individual.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Facebook compra rede social viral entre os adolescentes

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião