Netflix cancela House of Cards depois de escândalo com protagonista

  • Juliana Nogueira Santos
  • 30 Outubro 2017

A plataforma de streaming cancela a série após se ter sabido que o seu protagonista, Kevin Spacey, terá assediado sexualmente um ator menor em 1986. A sexta temporada será a última.

A série House of Cards, um dos títulos de culto da plataforma de streaming Netflix, foi cancelada pela própria plataforma após um ator ter afirmado que o protagonista da série, Kevin Spacey, o terá assediado sexualmente quando este tinha 14 anos. A Netflix anunciou estar “profundamente perturbada” com a notícia.

Anthony Rapp, ator e cantor, afirmou ao Buzzfeed que Spacey o convidou para uma festa privada na sua casa e que, numa altura em que o menor estava a ver televisão no quarto do protagonista da série americana, este o abordou e o tentou seduzir, encostando-se a ele e apertando-lhe os braços. Este acabou por sair da casa, sem saber perceber na altura o que tinha acontecido, mas cresceu a pensar na situação, frustrado com a crescente fama que Kevin Spacey estava a ganhar.

Rapp decidiu vir a público, numa atura em que muitos nomes de Hollywood estão em cheque por acusações de assédio sexual e violação como é o caso do produtor Harvey Weinstein e o fotógrafo Terry Richardson. O ator que desempenha o papel do presidente norte-americano Frank Underwood reagiu na sua conta oficial de Twitter, afirmando que “honestamente não me lembro do encontro, terá sido há mais de 30 anos atrás” e que “devo-lhe [a Rapp] as minhas sinceras desculpas por o que terá sido um comportamento ébrio profundamente desapropriado”. Spacey assumiu também a sua homossexualidade.

Após esta notícia, a Netflix decidiu cancelar a série, que além de ser uma das mais populares do mundo é também aquela que mais temporadas acumula. Em declarações aos meios de comunicação social, a empresa afirmou-se “profundamente perturbada” com as notícias, tendo garantido que “o nosso elenco e equipa continua a sentir-se segura e apoiada”. A série vai assim acabar com a sexta temporada, que irá ser divulgada em 2018,

(Notícia atualizada às 21h00 com mais informação)

Apoie o jornalismo económico independente. Contribua

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso. O acesso às notícias do ECO é (ainda) livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo rigoroso e credível, mas não só. É continuar a informar apesar do confinamento, é continuar a escrutinar as decisões políticas quando tudo parece descontrolado.

Introduza um valor

Valor mínimo 5€. Após confirmação será gerada uma referência Multibanco.

Comentários ({{ total }})

Netflix cancela House of Cards depois de escândalo com protagonista

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião