BCP e Galp animam arranque da bolsa. Lisboa destaca-se na Europa

Bolsa de Lisboa regista o melhor desempenho entre as praças europeias, graças ao bom contributo do BCP e da Galp.

Arranque positivo na bolsa portuguesa, com os primeiros minutos de negociação em Lisboa a serem impulsionados pelos desempenhos dos pesos pesados BCP e Galp, que se apresentam com ganhos acima de 0,5%.

O PSI-20, o principal índice português, abriu a subir 0,97% para 5.311,20 pontos, registando para já uma das melhores performances entre os pares europeus. Seis cotadas não consegue acompanhar o bom ritmo em Lisboa. A EDP Renováveis, em baixa de 1,01% para 6,87 euros, e tem neste momento o pior registo.

Os contributos mais positivos vêm da banca e do petróleo. BCP avança 0,59% para os 0,2537 euros e a Galp ganha 0,69% para 15,99 euros. Curiosamente, são estas as duas cotadas nacionais onde a empresária angolana Isabel dos Santos tem maior presença. Ela foi exonerada da liderança da petrolífera do Estado de Angola, Sonangol, esta quarta-feira pelo recém-eleito Presidente do país, João Lourenço.

Sobre esta notícia, a Sonae, que tem negócios com Isabel dos Santos na operadora Nos, diz que a parceria com a empresária angolana “funciona bem”. “A parceria com a empresária Isabel dos Santos na Nos tem funcionado muito bem, há um alinhamento entre os acionistas. Não vemos nenhuma razão para isto ser alterado no futuro”, declarou ao ECO Luís Reis, Chief Corporate Center Officer (CCCO) da Sonae.

Tanto Sonae como Nos avançam esta quinta-feira: 1,44% e 0,17%, respetivamente. No caso da retalhista que detém a cadeia de hipermercados Continente, esta evolução positiva surge depois de ter reportado uma descida do lucro nos primeiros nove meses do ano, para os 133 milhões de euros.

“Apesar do ambiente competitivo desafiante no setor do retalho alimentar em Portugal, a Sonae tem apresentado uma performance consistente das suas vendas, sendo que as perspetivas macroeconómicas animadoras para o país deverão continuar a ser favoráveis à área não alimentar”, notam os analistas do BPI no comentário de abertura de bolsa.

Nota ainda para os CTT, cujos títulos ganham 1,23% para 3,22 euros, depois da notícia de que deverá avançar para o despedimento de 300 trabalhadores, medida que faz parte do plano de reestruturação anunciado recentemente pela administração da empresa para fazer face ao declínio no negócio da distribuição de cartas.

Lisboa destaca-se numa Europa a meio gás. Madrid, Paris e Frankfurt avançam até 0,5%. Em Milão, o FTSE-Mib perde ligeiros 0,01%.

(Notícia atualizada às 8h27)

Comentários ({{ total }})

BCP e Galp animam arranque da bolsa. Lisboa destaca-se na Europa

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião