Fotogaleria: Os mais encantadores mercados de Natal do mundo

  • ECO
  • 26 Novembro 2017

Dezembro ainda não chegou, mas já está na altura de planear as férias de Natal. Conheça os mercados de Natal que trazem magia à quadra natalícia por todo o mundo.

O último mês do ano está a chegar — e, com ele, todas as surpresas da época natalícia. As famílias portuguesas pretendem gastar menos com as prendas neste Natal e Lisboa foi nomeada o melhor sítio para as comprar. Mas os mercados de Natal fazem parte da tradição um pouco por todo o mundo. O site de viagens Momondo juntou os oito “mais encantadores”.

1. Mercado de Navidad – Madrid, Espanha

La Plaza Mayor, a praça principal de Madrid, recebe este mercado desde 1860. Tem 140 bancas onde se vendem “presentes misteriosos”. São presentes que os espanhóis distribuem no dia 28 de dezembro, o irónico “Dia dos Inocentes” — um dia equivalente ao Dia das Mentiras. Uma das grandes atrações é o presépio.

2. Christkindelsmärik – Estrasburgo, França

Christkindelsmärik ou Marché de l’Enfant Jésus — independentemente do nome utilizado, é um dos mercados mais antigos da Europa, pois já existe desde 1570. Pela cidade espalham-se trezentos chalés de madeira, distribuídos por onze aldeias temáticas. O mercado fica na Place de la Cathédral. Nele encontra-se sobretudo artesanato, decorações e especialidades sazonais. Se não bastar encher os sacos, os visitantes também podem encher a barriga. O vinho quente e os biscoitos bredele, de avelã, laranja, canela ou praliné, são duas das especialidades.

3. Dresdner Striezelmarkt – Dresden, Alemanha

Há 600 anos que os artesãos alemães se reúnem em Dresden. As cerca de 250 bancas formam o mercado mais antigo da Alemanha, que também conta com o maior arco de Natal do mundo. As crianças podem ainda divertir-se no parque de aventuras, com um teatro de marionetas, um carrossel e um caminho-de-ferro infantil. Os mais gulosos podem provar a iguaria que dá nome ao mercado, o Strüzel, um bolo com frutos. Também o pão de gengibre recheado de doce e coberto de chocolate faz as delícias dos visitantes.

4. Jardins Tivoli – Copenhaga, Dinamarca

Em Copenhaga, o mercado de Natal decorre no segundo mais antigo parque de diversões do mundo, os Jardins Tivoli. As árvores de Natal são às centenas e as luzes aos milhares. O lago congelado torna-se um ringue de patinagem e quem preferir uma perspetiva diferente pode subir ao The Star Flyer, um baloiço de 80 metros de altura com vista sobre a cidade. O ar cheira a amêndoas tostadas e as mãos enchem-se de æbleskiver, umas “pequenas almofadas de maçãs” que adoçam a boca dos visitantes. Outros, podem escolher as sanduíches de porco assado com couve roxa.

5. Stortorget Julmarknad – Estocolmo, Suécia

O mercado mais antigo da Suécia tem lugar no centro da Cidade Velha de Estocolmo entre quarenta bancas vermelhas. Cada uma delas é casa para o artesanato local ou para o glögg, um vinho quente doce com uma mistura aromática de especiarias. No mercado servem-se ainda bolachas de pimenta, pães de açafrão e carne de alce ou rena.

6. Piața Mare – Sibiu, Roménia

Este mercado de Natal festeja-se entre as três cordilheiras que rodeiam a Grande Praça, no centro histórico da cidade. Os cerca de 70 casebres são montras para a cerâmica, peles e brinquedos de madeira. Também não faltam um ringue de patinagem e um parque infantil. Aqui, o vinho quente acompanha o pão de gengibre, pão doce ou o Kürtőskalács, um bolo no espeto em forma de cone. As castanhas assadas também são presença habitual.

7. Mercado de Natal de Toronto – Toronto, Canadá

Longe da Europa, festeja-se entre ruas calcetadas e fachadas de tijolo industriais. Aqui, pode encontrar uma casa de gengibre em tamanho real. Nas bancas de madeira compram-se velas de cera de abelhas, brinquedos de madeira e até meias de bacon. No destino das destilarias bebe-se vinho, cerveja e bebidas brancas. A comida é bastante internacional, e vai das bratwursts alemãs aos waffles belgas, mas a gastronomia canadiana também é representada: o poutine, um prato canadiano que mistura batatas fritas com molho e coalhos de queijo branco.

8. A Praça Vermelha – Moscovo, Rússia

A feira de Natal da Praça Vermelha de Moscovo impressiona sobretudo pelo cenário, com a Catedral de São Basílio e as muralhas do Kremlin iluminadas. As vinte bancas vendem decorações de Natal e lembranças locais, como bonecas russas artesanais e outros brinquedos pintados à mão. Não dispensa um ringue de patinagem, um dos maiores de Moscovo. As bancas de comida exibem pratos tradicionais russos, como batatas assadas com cogumelos e pickles ou panquecas com caviar. O mercado prolonga-se até ao final de janeiro, uma vez que os russos o festejam no sétimo dia do ano.

Comentários ({{ total }})

Fotogaleria: Os mais encantadores mercados de Natal do mundo

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião