Pousadas de Portugal lançam semana gastronómica. Os menus custam 23 euros

Edição anterior foi em 2016. Menus incluem pratos tradicionais locais em monumentos e outros edifícios históricos em todo o país, numa rede de 24 Pousadas.

Vazia maturada a 60 dias pode ser degustada na Pousada de Lisboa.D.R.

Fã de farófias com creme de baunilha? Imagine comer a sua sobremesa favorita num edifício histórico como a Pousada do Palácio de Queluz. Apaixonado por uma terrina de porco com molho de coentrada seguido de uma dourada grelhada com migas da beira e molho de manteiga? Desfrute dos pratos na Pousada de Viseu. E uma sopa caramela composta por enchidos e carnes? Se for degustada na Pousada Castelo de Palmela, melhor.

Estes são apenas alguns dos pratos que vai poder eleger durante mais uma Gastronomic Week, uma iniciativa da marca Pousadas de Portugal, do grupo Pestana.

A iniciativa, que já tinha sido organizada em 2016, inclui uma semana de menus a preços mais económicos nas 24 Pousadas de Portugal da rede nacional. Do Algarve à Beira Alta, e de Lisboa ao Alentejo, todas as pousadas da rede têm pratos especiais e locais, a preços de saldo. Assim, do risoto de cogumelos à pera cozida em Moscatel, vai ser possível provar algumas das melhores iguarias de cada região, sentado em mesas montadas em alguns dos edifícios mais históricos a nível nacional.

A Pousadas Gastronomic Week decorre entre 20 e 28 de janeiro em 24 restaurantes da rede Pousadas de Portugal. Os menus, todos diferentes, incluem entrada, prato principal (carne ou peixe) e sobremesa, por 23 euros por pessoa (sem bebidas incluídas). Reservas aqui.

Pousadas aderentes:

  • Pestana Pousada Mosteiro de Guimarães
  • Pestana Pousada de Viana do Castelo
  • Pestana Pousada Mosteiro de Amares
  • Pestana Pousada do Gerês – Caniçada
  • Pestana Pousada da Serra da Estrela
  • Pestana Pousada de Condeixa – Coimbra
  • Pestana Pousada de Viseu
  • Pestana Pousada de Ourém – Fátima
  • Pestana Pousada Castelo de Óbidos
  • Pestana Pousada Castelo de Palmela
  • Pestana Pousada Palácio de Queluz
  • Pestana Pousada de Lisboa – Praça do Comércio
  • Restaurante Casa do Leão – Castelo de São Jorge
  • Pestana Pousada Castelo de Alcácer do Sal
  • Pestana Pousada Convento de Arraiolos
  • Pestana Pousada Convento de Beja
  • Pestana Pousada Castelo de Estremoz
  • Pestana Pousada Convento de Évora
  • Pestana Pousada do Marvão
  • Pestana Pousada Convento de Vila Viçosa
  • Pestana Pousada Mosteiro do Crato
  • Pestana Pousada Palácio de Estoi
  • Pestana Pousada de Sagres
  • Pestana Pousada Convento de Tavira

 

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Pousadas de Portugal lançam semana gastronómica. Os menus custam 23 euros

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião