Senado dos EUA aprova proposta orçamental para pôr Governo federal a funcionar

  • Lusa
  • 9 Fevereiro 2018

É a segunda vez em três semanas que há uma paralisação parcial das instituições do Estado federal (shutdown). Proposta orçamental já seguiu para a Câmara dos Representantes.

O Senado norte-americano aprovou esta sexta-feira a proposta orçamental necessária para pôr o Governo federal em funcionamento e reencaminhou-a para a Câmara dos Representantes.

A votação deste acordo orçamental fundamental foi feita depois de o encerramento parcial das instituições federais dos Estados Unidos ter entrado em vigor às 00:00 (05:00 de Lisboa), após a suspensão do debate na quinta-feira à noite, no Senado.

Perante a oposição de um senador à proposta de lei, que permite o financiamento do Estado até 2019, a câmara alta do Congresso decidiu suspender a sessão e retomá-la às 00:01 de sexta-feira, para fazer uma nova votação antes de serem horas de os funcionários públicos federais iniciarem o seu dia de trabalho.

É a segunda vez em três semanas que há uma paralisação parcial das instituições do Estado federal (shutdown) que, sem financiamento, não dispõe de dinheiro e tem de pôr “tecnicamente” no desemprego centenas de milhares de funcionários públicos, dos serviços fiscais aos parques nacionais.

A Administração Trump viveu o seu primeiro shutdown a 20 de janeiro deste ano — exatamente um ano após a investidura de Donald Trump como Presidente dos Estados Unidos –, por falta de acordo sobre o orçamento. Durou três dias. Desta vez, depois da aprovação pelo Senado, o texto deverá agora ser votado na Câmara dos Representantes, onde também tem opositores, e terminar na Sala Oval, para promulgação pelo Presidente.

A paralisação poderá, portanto, ser de breve duração, mas é ilustrativa da polarização dos senadores e congressistas, depois de a proposta ter recebido o apoio dos líderes republicanos e democratas das duas câmaras parlamentares.

Contribua. A sua contribuição faz a diferença

Precisamos de si, caro leitor, e nunca precisamos tanto como hoje para cumprir a nossa missão. Que nos visite. Que leia as nossas notícias, que partilhe e comente, que sugira, que critique quando for caso disso. A contribuição dos leitores é essencial para preservar o maior dos valores, a independência, sem a qual não existe jornalismo livre, que escrutine, que informe, que seja útil.

A queda abrupta das receitas de publicidade por causa da pandemia do novo coronavírus e das suas consequências económicas torna a nossa capacidade de investimento em jornalismo de qualidade ainda mais exigente.

É por isso que vamos precisar também de si, caro leitor, para garantir que o ECO é económica e financeiramente sustentável e independente, condições para continuar a fazer jornalismo rigoroso, credível, útil à sua decisão.

De que forma? Contribua, e integre a Comunidade ECO. A sua contribuição faz a diferença,

Ao contribuir, está a apoiar o ECO e o jornalismo económico.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Senado dos EUA aprova proposta orçamental para pôr Governo federal a funcionar

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião