Depois do feriado, Wall Street abre em terreno negativo

O Dia do Presidente não tornou os investidores mais otimistas face às flutuações recentes da bolsa norte-americana. Wall Street abriu a desvalorizar, depois de uma semana de recuperação.

Depois do feriado, Wall Street abriu em queda. Numa semana em que os investidores vão conhecer as minutas da última reunião da Fed, a atenção está nos números da inflação, mas também no rumo que os índices norte-americanos vão seguir depois de uma semana de recuperação.

O Dow Jones abriu a cair 0,3% para os 25.144,59 pontos. Uma das cotadas mais penalizadas é o Walmart, cujos resultados mostraram lucros abaixo do esperado. As ações da rede de supermercados estão a desvalorizar 7%. Já o S&P 500 iniciou a sessão com uma queda de 0,2%, com o setor das telecomunicações a penalizar o índice. Já o Nasdaq abriu a cair 0,3%, mas inverteu a tendência rapidamente: está a subir 0,3%.

Os norte-americanos festejaram esta segunda-feira o Dia do Presidente — dedicado a George Washington — esta segunda-feira. Um dia depois, os mercados voltam a mexer e há uma dúvida: “A grande questão desta semana é saber se o movimento ascendente dos dias anteriores representa apenas uma recuperação técnica ou assume uma dimensão maior, marcando um reinício do rally dos últimos anos”, explicavam os analistas do BPI no diário de bolsa desta terça-feira.

Os investidores aguardam a divulgação nesta quarta-feira das minutas da reunião da Reserva Federal, a última com Janet Yellen ao leme, onde o conselho de governadores decidiu manter a taxa de juro inalterada. “Com evidências que a inflação está a aproximar‐se dos 2% desejados pela Fed e com as expectativas dos agentes económicos em relação à inflação a aumentarem, muitos investidores questionam‐se se o Banco Central não irá aumentar as taxas de referência mais do que as 3 vezes preconizadas no início de 2018″, explicam os analistas do BPI.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Depois do feriado, Wall Street abre em terreno negativo

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião