Medir as audiências dos Outdoors? Em breve vai ser possível com o sistema de tracking da GfK

  • Rita Frade
  • 27 Fevereiro 2018

A GfK desenvolveu um sistema de "tracking" que vai permitir realizar estudos de audiência em meios "Out of Home". Este método de avaliação vai estar disponível a partir do segundo trimestre deste ano.

Se até aqui era difícil medir a exposição da população à publicidade exterior (por exemplo, a outdoors), em breve isso vai mudar. A GfK, empresa de estudos de mercado, desenvolveu um sistema tracking de mobilidade que vai permitir, pela primeira vez, realizar estudos de audiência no meio Out of Home (OOH).

Trata-se de um método de avaliação quantitativo e qualitativo inovador, desenvolvido em parceria com a PSE – Produtos e Serviços de Estatística, que irá permitir, não só conhecer melhor as audiências do meio OOH ou da publicidade exterior como também a mobilidade da população (por exemplo, rotinas).

"É uma solução diferenciadora para conhecer os perfis de mobilidade da população.”

António Salvador

Responsável da GfK em Portugal

O responsável da GfK em Portugal, António Salvador, diz ao ECO que esta “é uma solução diferenciadora para conhecer os perfis de mobilidade da população“, na medida em que “ainda não existe em Portugal um estudo de audiências para o outdoor“.

De acordo com o responsável da GfK, “esta é uma oportunidade que existe há muito no mercado“, mas que até à data não tinha sido possível implementar, pela “complexidade tecnológica” que envolvia. Para além disso, “os operadores não se mostravam tão disponíveis” como agora, detalha António Salvador.

"Todos olharam com interesse e não há anunciante nenhum que diga que não gostava de ter um estudo destes.”

António Salvador

Responsável da GfK em Portugal

Com a evolução da tecnologia, e perante a falta de dados sobre os consumidores de publicidade exterior, o desenvolvimento desta ferramenta tornou-se exequível. “Anunciantes, como a JCDecaux, a MOP ou a dreamMedia, mostraram-se bastante recetivos”, conta António Salvador.

Através dos dados fornecidos por este sistema de tracking é, assim, possível planear os investimentos no meio OOH, com um grau de incerteza menor e também de uma forma mais rentável.

Este sistema de tracking de mobilidade irá funcionar através de uma aplicação, que estará disponível tanto para iOS, como para Android. Inicialmente, será instalada no telemóvel de cerca de 4.000 pessoas escolhidas criteriosamente, com idades compreendidas entre os 15 e os 64 anos e residentes nas regiões da Grande Lisboa, Grande Porto, Litoral Centro, Litoral Norte e Faro.

A cada uma das pessoas será oferecido uma powerbank (carregador portátil para smartphones e tablets), para que os dispositivos móveis estejam sempre disponíveis e o estudo esteja, assim, em conformidade com os requisitos de qualidade necessários.

A GfK é uma das maiores empresas de estudos de mercado do mundo e uma importante fonte de informação sobre mercados e consumidores. Em Portugal, a GfK já produz estudos sobre as audiências televisivas.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Medir as audiências dos Outdoors? Em breve vai ser possível com o sistema de tracking da GfK

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião