Hoje nas notícias: Carlos Tavares, Rio e quotas de género

  • ECO
  • 9 Março 2018

Dos jornais aos sites, passando pelas rádios e televisões, leia as notícias que marcam o dia.

O último dia da semana é marcado pelas novas propostas de mudança à chamada “lei da Uber”, que vai regular o transporte individual de passageiros coordenado por plataformas digitais, com chamadas de capa no Público e no Jornal de Negócios. Também o Benfica continua a marcar a atualidade pelos casos de Justiça que rodeiam o clube encarnado, desde a manchete do Jornal de Notícias, que garante que “mais duas toupeiras” estão sob investigação, até ao Correio da Manhã a garantir que uma “escuta” prova que um informador se encontrou com Luís Filipe Vieira no estádio do clube.

Carlos Tavares vai ser o novo chairman do Montepio

O ex-presidente da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários, Carlos Tavares, vai mesmo ser o escolhido, de uma shortlist que o punha ao lado de Mira Amaral, para liderar o Montepio, de acordo com o Jornal Económico (acesso pago). Ao mesmo tempo, a Santa Casa da Misericórdia está a repensar o seu investimento no Montepio, com a assessoria de António Lobo Xavier. O Jornal Económico cita valores “do mercado” que são inferiores aos 50 milhões de euros.

Rui Rio defende revisão constitucional para reformar Justiça

O novo líder do PSD, Rui Rio, pretende uma revisão da Constituição para poder fazer uma reforma mais profunda da Justiça, segundo escreve esta sexta-feira o Público. Rio tê-lo-á dito quando foi questionado pelos deputados do PSD, em reunião de grupo parlamentar, sobre os seus planos para esse setor, afirmando ainda esperar que o PS possa estar disponível para encontrar um acordo nesse sentido.

Problemas na Ponte 25 de Abril detetados há oito anos

O Diário de Notícias escreve esta sexta-feira que as fissuras identificadas na Ponte 25 de Abril já tinham sido identificadas, juntamente com outras anomalias, há oito anos, pela equipa do Instituto de Soldadura e Qualidade que está permanentemente no local. A reparação das fendas, agora considerada urgente, já tinha sido recomendada há dois anos, avança ainda o jornal, citando o projetista Tiago Abecasis, engenheiro que fez avaliações em 2016.

Quotas de género podem chegar a ordens e universidades

Um diploma aprovado ontem em Conselho de Ministros prevê que os dirigentes do Estado passem a estar sujeitos a quotas de género para que o sexo menos representado componha pelo menos 40% do quadro, mas não se fica por aí: a proposta de lei quer também, escreve o Jornal de Negócios (acesso pago), que essas quotas cheguem às universidades públicas e ordens profissionais, inclusive nas listas apresentadas para os órgãos de gestão.

Elina Fraga tem gestão sob a lupa do Tribunal de Contas

A nova vice-presidente do PSD, Elina Fraga, tem estado sob escrutínio público e agora passa a estar sob o do Tribunal de Contas, nomeadamente no âmbito de uma auditoria às contas da Ordem dos Advogados que se foca no período em que esta foi bastonária. A auditoria, que remonta aos anos de 2014 a 2016, foi noticiada pelo Jornal Económico.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Hoje nas notícias: Carlos Tavares, Rio e quotas de género

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião