Bezos é o homem mais rico do mundo. Ganhou mais 12 mil milhões num só dia

Resultados da retalhista online agradaram e puxam pelas ações pelo segundo dia. Só na quinta-feira, o disparo da Amazon engordou em 12 mil milhões de dólares a fortuna do homem mais rico do mundo.

Jeff Bezos, fundador da Amazon e também o homem mais rico do mundo, tem razões para sorrir. A sua fortuna cresceu em 12 mil milhões de dólares só na passada quinta-feira à boleia do disparo em bolsa da Amazon, depois de a retalhista online ter apresentado resultados que agradaram ao mercado.

A Amazon desvendou os números do primeiro trimestre do ano que apontam para um crescimento de 43% das vendas, para os 51 mil milhões de dólares. Isto depois de na semana passada, a retalhista ter revelado que atingiu a marca de 100 milhões de assinantes do serviço prime.

Após conhecidos esses resultados, as ações da retalhista dispararam 6,3%, para os 1.614 dólares, subida que permitiu engordar em 12 mil milhões de dólares a fortuna do seu fundador que se afastou ainda mais do segundo homem mais rico: Bill Gates.

Tudo aponta para que Bezos termine a semana ainda mais rico. As ações da Amazon valorizam perto de 5% na sessão bolsista norte-americana, com o título a aproximar-se do máximo histórico a que encerrou em meados de março. Os títulos da retalhista já estiveram a valorizar perto de 8% nesta sessão.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Bezos é o homem mais rico do mundo. Ganhou mais 12 mil milhões num só dia

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião