Governo afasta ajuda ao Sporting em caso de colapso

  • ECO
  • 18 Maio 2018

O Sporting atravessa uma crise profunda mas o secretário de Estado das Finanças garante que o Estado não irá intervir em caso de colapso financeiro.

Se a SAD do Sporting entrar em colapso financeiro, o Estado não vai intervir, garantiu esta sexta-feira o secretário de Estado das Finanças, Ricardo Mourinho Félix.

Em declarações ao Dinheiro Vivo, à margem da Money Conference, Ricardo Mourinho Félix afirmou que não cabe ao Estado ajudar financeiramente “um clube de futebol”.

Dois patrocinadores — Grupovarius e Inforophone — já anunciaram que vão deixar de apoiar o Sporting, depois da crise em que o clube se viu mergulhado e que já conta com episódios de violência. Esta terça-feira, cerca de 50 adeptos do Sporting invadiram esta terça-feira a Academia de Alcochete, enquanto decorria o treino da equipa principal, e agrediram jogadores e equipa técnica.

Entretanto, a Mesa da Assembleia Geral demitiu-se em bloco e instou o presidente do Sporting a fazer o mesmo, mas Bruno de Carvalho já disse que não o irá fazer.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Governo afasta ajuda ao Sporting em caso de colapso

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião