General Electric vai sair do Dow Jones. Negociava no índice há 111 anos

A General Electric, que era a única empresa ainda cotada no Dow Jones a ter estado entre as 30 empresas fundadoras, vai sair do índice. Cotou nele de forma contínua ao longo dos últimos 111 anos.

O Dow Jones vai deixar de incluir a única empresa que esteve entre as primeiras a cotar no índice e que ainda fazia parte da lista. Trata-se da General Electric, que se encontra entre as primeiras 30 empresas a cotarem no índice industrial quando este arrancou em 1896. A empresa cotou de forma contínua no índice ao longo dos últimos 111 anos (desde 1907), mas vai agora ser substituída pela farmacêutica Walgreens Boots Alliance. A substituição dar-se-á antes da abertura da sessão de terça-feira, 26 de junho.

A saída da General Electric do Dow Jones surge numa altura em que a empresa está a implementar um plano de reestruturação. Este plano, sob a responsabilidade do presidente executivo John Flannery, pode passar pela venda ou spin off de partes do portefólio da companhia. Neste contexto, as ações têm vindo a desvalorizar sucessivamente desde o início do ano passado.

De acordo com informações da CNBC, os títulos da General Electric derraparam mais de 55% ao longo dos últimos 12 meses. No acumulado deste ano, as perdas já ultrapassam os 25%. Antecipa-se, por isso, que a saída da empresa do Dow Jones venha a pressionar ainda mais o valor destas ações, uma vez que perdem popularidade entre os fundos de índice, que já não terão de as incluir nos seus portefólios.

Na visão de David Blitzer, diretor-geral e chairman do comité de índices na S&P Dow Jones Indices, refere que esta decisão de retirar a General Electric “fará do índice um melhor indicador da economia e do mercado de capitais”. Defende ainda que a entrada da Walgreens Boots Alliance tornará o industrial Dow Jones num índice “mais representativo dos setores de consumo e cuidados de saúde da economia norte-americana”.

Comentários ({{ total }})

General Electric vai sair do Dow Jones. Negociava no índice há 111 anos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião