Business Angels nacionais querem capacitar investidores portugueses

Chama-se ESIL – Empowering Early Stage Investors e pretende capacitar investidores locais e apoior estrangeiros que pretendam financiar projetos em Portugal.

A Associação Portuguesa de Business Angels (APBA) anunciou a criação de um programa de capacitação e apoio a investidores, portugueses ou estrangeiros, que queiram investir em projetos empresariais em Portugal. A iniciativa foi apresentada esta quarta-feira à noite no Spring Investment Dinner, no Museu da Eletricidade, em Lisboa.

O programa ESIL – Empowering Early Stage Investors organiza um conjunto de iniciativas “que visam estimular oportunidades de investimento transfronteiriço, encontrar novos negócios com potencial de crescimento, conectar com potenciais parceiros estratégicos pela Europa e construir uma agenda de formação sob medida para os ecossistemas locais, assim como outras iniciativas que auxiliarão na internacionalização de startups”, explica a APBA em comunicado. O programa irá abordar temas como o aumento do número de mulheres no setor, como se conseguir exits de sucesso, e os benefícios fiscais para os business angels.

De acordo com a associação, o investimento de business angels em Portugal deverá aumentar 50% em 2018, para os nove milhões de euros. Também no evento anual da APBA foram anunciados os vencedores dos prémios para “melhor startup” do último ano – a eleita foi a Sensei, que está a revolucionar o mercado do retalho mundial com uma solução de inteligência artificial – e “personalidade internacional do ano “, atribuído a Carlos Moedas, Comissário Europeu para a Investigação, Ciência e Inovação. Quanto ao prémio “personalidade do ano com impacto nacional”, este foi entregue a Carlos Melo Brito, Pró-Reitor da Universidade do Porto para a área do Empreendedorismo e Inovação e Diretor da UPTEC, o parque de ciência e tecnologia da Universidade do Porto dedicado à incubação de startups e ao acolhimento de centros de inovação empresarial.

 

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Business Angels nacionais querem capacitar investidores portugueses

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião