Sousa Cintra é o novo presidente da SAD do Sporting

A presidência da SAD do Sporting vai passar a ser ocupada por José Sousa Cintra. Comissão de Gestão diz que as contas do clube vão ser submetidas a uma auditoria forense.

Depois dos sócios do Sporting terem votado, este sábado, a favor da destituição de Bruno de Carvalho, a presidência da SAD leonina vai ser agora ocupada por José Sousa Cintra. A notícia acaba de ser avançada pela Comissão de Gestão do clube, em declarações aos jornalistas transmitidas pela SIC Notícias.

“A partir de hoje, a SAD tem um novo presidente, que sou eu”, anunciou Sousa Cintra. De acordo com o presidente da Comissão de Gestão dos leões, Artur Torres Pereira, também a restante composição do Conselho de Administração da SAD irá mudar, já que precisa de “ser adaptada” para acompanhar “o sentido das decisões tomadas pelos sócios”.

Confiante no futuro do clube, Sousa Cintra garantiu que o Sporting “não anda à tona” e deixou uma “palavra de esperança” aos adeptos: “O SCP vai lutar para ser campeão nacional, para ficar nos primeiros lugares”. “Não julguem que vão ser favas contadas”, avisou, no mesmo tom, Torres Pereira.

Sobre as rescisões dos futebolistas, Sousa Cintra pouco quis adiantar. “Os futebolistas que saíram, acho bem que possam voltar, porque o Sporting é o clube do coração deles”, afirmou o antigo presidente dos verdes e brancos e agora líder da SAD, apelando à “união da família” de Alvalade.

“Tenham confiança, que o Sporting é um clube com futuro”, salientou ainda Sousa Cintra. O responsável reconhece que tem pela frente “um desafio grande”, mas diz-se determinado a resolver “o problema” dos leões.

“O Sporting vai ficar sempre na primeira linha”, prometeu, relembrando que, quando assumiu as rédeas do clube, também enfrentou tempos “muitos difíceis” e ainda assim conseguiu “honrar os compromissos”. “Vou fazer os possíveis e os impossíveis para honrar todos os compromissos do Sporting”, disse.

A nossa prioridade é resolver os problemas do Sporting, dar resposta às urgentes deficiências” do clube, acrescentou, por sua vez, Artur Torres Pereira.

Sousa Cintra é o novo presidente da SAD do SportingTIAGO PETINGA/LUSA

Como andam as finanças do Sporting?

Questionado sobre a atual conjuntura financeira do clube verde e branco, Sousa Cintra reconheceu que “as coisas não estão bem”, mas admitiu não estar ainda totalmente inteirado da situação.

O presidente da Comissão de Gestão do clube acrescentou, por sua vez, que irá ser feita uma auditoria forense às contas do clube “para que os verdadeiros donos do Sporting possam ter conhecimento da situação do seu clube do coração”.

Segundo Torres Pereira, já esta segunda-feira, a Comissão de Gestão vai a Alvalade e terá também a ocasião de definir os pelouros dos seus membros. Questionado sobre se espera encontrar alguma resistência por parte dos funcionários, o responsável notou: “Não temos dúvidas nenhumas de que a vontade democrática dos sócios expressa numa Assembleia Geral que teve o resultado inequívoco que teve fará com que qualquer funcionário, colaborador, sportinguista perceba que agora o tempo das facas longas acabou e que voltamos a um tempo, de paz, de tranquilidade, de respeito. Tempos que apagar este período que se passou”.

A Comissão de Gestão ficará em funções e Sousa Cintra ficará no cargo de presidente da SAD do clube de Alvalade até às eleições, que estão marcadas para 8 de setembro. O novo dirigente da SAD garante que pretende dar o seu contributo ao clube, mas apenas até a essa data. “O que mais quero é integrar uma nova direção, uma coisa em condições que é para continuar”. Sobre esta matéria, o presidente da Comissão de Gestão adiantou que nenhum membro deste órgão (que não será remunerado) “aceitará fazer parte de qualquer lista” eleitoral.

Este sábado, os sócios do Sporting reunidos em Assembleia Geral votaram a favor da destituição de Bruno de Carvalho. O “sim” venceu com 71%, o que levou o antigo dirigente leonino a dizer-se alvo de uma “golpada”. “Não consigo mais sentir este Clube… Não sou mais do Sporting Clube de Portugal, porque fui enganado”, escreveu Bruno de Carvalho, no Facebook. Entretanto, o antigo diretor clínico dos leões, Frederico Varandas, já anunciou que vai formalizar a sua candidatura à presidência do clube esta terça-feira.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Sousa Cintra é o novo presidente da SAD do Sporting

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião