Cristina Ferreira na SIC. Miguel Sousa Tavares volta à TVI

  • ECO
  • 23 Agosto 2018

O comentador vai abandonar a SIC para voltar a fazer comentário de atualidade no canal onde já esteve durante 12 anos.

Pouco depois de ter sido anunciada a saída de Cristina Ferreira da TVI para a SIC, a estação de Queluz de Baixo reforça a sua equipa com uma nova contratação, mas de um comentador que já não é novo na casa. Depois de mais de sete anos a fazer a análise da atualidade na estação de Carnaxide, Miguel Sousa Tavares vai regressar à TVI, onde esteve durante 12 anos.

O advogado e ex-jornalista vai voltar a ter um espaço de comentário na TVI, embora ainda não se saiba quando é que se concretiza o regresso. A informação foi avançada pelo Correio da Manhã, tendo sido confirmada pelo ECO.

Miguel Sousa Tavares tem, atualmente, um espaço de comentário no Jornal da Noite, da SIC, todas as segundas-feiras. Desde 2011 que o advogado era comentador residente na estação do grupo Impresa. Lá, Sousa Tavares começou por protagonizar o espaço de análise da atualidade Sinais de Fogo e, na altura, dizia que a sua saída da TVI para a SIC era “uma tentativa de suicídio”, o “fim da bela e tranquila vida” que tinha na TVI, “mérito” da SIC, que tinha conseguido ir buscá-lo à principal rival.

Questionado pelo Observador sobre a transferência, Miguel Sousa Tavares, desta vez, foi mais comedido. “Confirmo, mas por ora não adianto nada mais”, afirmou.

Apesar de sair da SIC para a TVI, Sousa Tavares não rompe totalmente com a Impresa. O comentador também vai manter a coluna que assina todas as semanas no jornal Expresso, uma publicação do grupo Impresa, que é também a dona da SIC.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Cristina Ferreira na SIC. Miguel Sousa Tavares volta à TVI

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião