“A TAP deseja tudo de bom para o Montijo”

O presidente executivo da TAP reconhece a importância de investir em novas infraestrutura, mas afirma que a companhia aérea não irá para o novo aeroporto do Montijo.

A TAP não vai para o Montijo. Questionado sobre a utilização que a TAP poderia fazer do novo aeroporto do Montijo, que deverá começar a ser construído no início do próximo ano, Antonoaldo Neves, CEO da companhia, aérea portuguesa disse aos deputados que a empresa não irá para o outro lado do Tejo. A principal razão está relacionada com o tamanho dos aviões da TAP.

“Lá [no aeroporto do Montijo] não posso aterrar com os meus aviões”, disse Antonoaldo Neves durante a audição que tem como objetivo apresentar estratégia de crescimento da empresa portuguesa.

Ainda, assim, Neves reconhece a necessidade de investir em novas infraestruturas no Montijo, uma vez que o aeroporto Humberto Delgado está “completamente esgotado”. Assim, o projeto do novo aeroporto será, para a TAP, uma espécie de “escape” para aliviar o fluxo de passageiros que o aeroporto de Lisboa apresenta.

“A TAP deseja tudo de bom para o Montijo”, disse o presidente executivo da TAP.

Antonoaldo Neves já tinha dito, em entrevista ao jornal Expresso (acesso pago), que a TAP não irá financiar o projeto do novo aeroporto no Montijo. O CEO afirmou ainda que, caso haja qualquer tentativa nesse sentido, a empresa irá para os tribunais. “A gente vai até às últimas consequências contra isso”, disse ao semanário.

Comentários ({{ total }})

“A TAP deseja tudo de bom para o Montijo”

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião