Portugal é o segundo país da União Europeia onde mais se viaja de carro

Na União Europeia, 83% das viagens terrestres foram feitas de um carro. Portugal fica apenas atrás da Lituânia na proporção de pessoas que utilizaram o automóvel para se deslocar.

Onde se anda mais de carro? Na União Europeia (UE), Portugal ocupa o segundo lugar na lista de países que mais utilizam o automóvel nas suas deslocações. Ficamos apenas atrás da Lituânia, separados por um ponto percentual, revelam os dados divulgados pelo Eurostat.

Dos quilómetros percorridos por passageiros em Portugal, 89,1% são feitos de automóvel. Já na Lituânia, este meio representa 90% dos transportes, e no Reino Unido, que fecha o top 3, a percentagem de utilização chega aos 87%, de acordo com o gabinete de estatísticas da UE.

Viagens por carro na UE.Eurostat

Em 2016, 83% das viagens terrestres na União Europeia foram feitas de carro. Os autocarros foram responsáveis por 9% das deslocações, e os comboios por 8%. O único país que regista uma taxa de utilização dos carros inferior a 70% é a Hungria, com 69%.

A Hungria é também o Estado-membro da UE que tem uma maior percentagem de pessoas a viajar de autocarro. Nas deslocações por este meio segue-se o Chipre e a Estónia. O autocarro é o segundo meio mais utilizado pelos portugueses, em 6,7% das deslocações, abaixo da média europeia de 9,4%.

No que diz respeito à utilização de comboios, Portugal, com 4,2%, também fica significativamente abaixo da média europeia, que chega aos 7,7%. A Áustria foi o país onde se verificou uma maior proporção de viagens feitas por este meio, com 12% das deslocações. Depois surge a Holanda, com 11%, e França, com 10% dos quilómetros por passageiro.

Quanto tempo passa nos transportes?

Os portugueses são dos europeus que menos recorrem à utilização de transportes públicos (comboios e autocarros). Atrás dos cidadãos lusos, ficam apenas os lituanos, que são aqueles que utilizam mais o carro.

Para tentar melhorar esta situação a Câmara Municipal de Lisboa anunciou esta segunda-feira que vai reservar mais oito quilómetros de faixas de transportes públicos, aos atuais 100 quilómetros de corredores Bus, exclusivos para autocarros, elétricos e táxis. A iniciativa tem como objetivo conquistar mais passageiros para o serviço de transportes públicos e tentar contrariar a tendência dos portugueses de utilizar o automóvel.

As faixas dedicadas também poderão ajudar a diminuir o tempo das viagens dos autocarros. Uma melhoria essencial já que aqueles que optam por andar de autocarro, metro, comboio ou barco em Lisboa e no Porto, passam uma média de 30 dias por ano dentro destes transportes, segundo dados INE, divulgados recentemente. Na capital, os transportes públicos foram o principal meio de deslocação para 15,8% dos habitantes.

Comentários ({{ total }})

Portugal é o segundo país da União Europeia onde mais se viaja de carro

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião