Concluída migração da plataforma online do Banco Popular Portugal para o Santander

  • Lusa
  • 16 Outubro 2018

A operação de migração envolveu “mais de 1.000 pessoas” durante o fim de semana e permitiu a integração de toda a atividade relacionada com os clientes do ex-Banco Popular Portugal.

A integração tecnológica da rede do ex-Banco Popular Portugal na do Santander ficou concluída “com sucesso” durante o fim de semana passado, tendo a migração decorrido “como esperado”, informou esta terça-feira o Santander Portugal.

Explicando que esta operação de migração, que envolveu “mais de 1.000 pessoas” durante o fim de semana, permitiu a integração de toda a atividade relacionada com os clientes do ex-Banco Popular Portugal, o Santander salienta que, “a partir deste momento, deixa de existir qualquer distinção operativa entre clientes e todos os serviços passam a ser assegurados através dos sistemas Santander, numa integração plena dos dois universos”.

Em meados de julho, os clientes do ex-banco Popular Portugal tinham já sido informados sobre os novos números de identificação bancária (NIB) e acessos às plataformas online. De acordo com o Santander, “todas as áreas do banco estiveram envolvidas nesta operação, num universo de mais de 2.000 linhas de atividades”, tendo-se registado “um número pouco significativo de referências de indisponibilidade ao longo do período de migração”.

A operação de integração tecnológica começou a ser executada em abril deste ano, tendo desde então sido realizadas “várias dezenas de simulações e de testes de migração” para que a mudança tivesse o menor impacto possível nos serviços prestados aos clientes. Segundo o Santander, o processo de integração está a decorrer de acordo com o calendário previsto — em Espanha vai iniciar-se em novembro e será concluído em junho de 2019 — e é o último passo do processo iniciado no verão de 2017, quando anunciou a compra do Popular.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Concluída migração da plataforma online do Banco Popular Portugal para o Santander

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião