Hoje nas notícias: Digitalização, globalização e imóveis

  • ECO
  • 5 Novembro 2018

Dos jornais aos sites, passando pelas rádios e televisões, leia as notícias que vão marcar o dia.

Com o mercado imobiliário continua em alta, o Estado prepara-se para levar a hasta pública um conjunto de imóveis avaliados em quatro milhões de euros. Isto quando a caminho de Portugal estão 4,7 milhões do Fundo Europeu de Ajustamento à Globalização (FEAG), destinados à formação e integração no mercado de trabalho de 1.460 jovens e antigos trabalhadores da indústria do vestuário. Do lado da banca, apesar de haver progressos, a Roland Berger diz que os bancos portugueses “ainda estão a aquecer para a corrida pela digitalização”.

Banca ainda está a aquecer na corrida da digitalização

“Os bancos portugueses ainda estão a aquecer para a corrida [pela digitalização], que se fará cada vez mais à escala internacional”, concluiu a consultora Roland Berger, após um estudo sobre a digitalização. A nível nacional, 83% das instituições financeiras incluídas no estudo indicaram que estão já a (ou decidiram) implementar a digitalização em toda a cadeia de produção. Contudo, embora Portugal esteja inserido nos 15% que indicam que este passo faz parte da agenda estratégica, ainda não foi concretizada essa intenção. Leia a notícia completa no Jornal de Negócios

Estado vai vender 35 imóveis avaliados em quatro milhões

A Direção Geral do Tesouro e Finanças vai vender esta quinta-feira 35 imóveis, nos quais se incluem apartamentos, lojas, terrenos e moradias. Ao todo, este património está avaliado em quatro milhões de euros, sendo que o edifício mais valioso é constituído por seis escritórios e vale, pelo menos, 600 mil euros. Só na capital vão ser vendidas três moradias em ruínas. Os interessados devem apresentar as propostas até às 16h0 de quarta-feira, indicando o valor para a arrematação e anexando um cheque correspondente a 5% do valor. Leia a notícia completa no Correio da Manhã

Portugal garante maior apoio de sempre do fundo da globalização

O país prepara-se para receber 4,7 milhões do Fundo Europeu de Ajustamento à Globalização (FEAG), destinados à formação e integração no mercado de trabalho de 1.460 jovens e antigos trabalhadores da indústria do vestuário. Após sete anos sem apresentar qualquer candidatura, Portugal voltou a recorrer a este fundo com um projeto que irá garantir o maior apoio de sempre concedido ao país. “É a candidatura mais elevada que alguma vez foi aprovada”, adiantou ao Público Paulo Feliciano, vice-presidente do IEFP. Leia a notícia completa no Público (acesso condicionado)

Madeleine Albright alerta para ameaças reais à democracia

O novo livro de Madeleine Albright, antiga secretária de Estado de Bill Clinton, tem feito sucesso nos Estados Unidos, mas também em Portugal. Intitulado “Fascismo — um alerta”, é um grito de alerta nestes tempos dominados pelo ódio, como a própria explica. “A minha esperança, ao escrever este livro, é encorajar as pessoas a falar e a agir em defesa dos princípios que tornam possível o governo livre e aberto. (…) Não eliminámos as forças que podem produzir o fascismo, incluindo o nacionalismo, e a vontade de usar a violência para impor os privilégios de alguns à custa de outros”, diz a autora. Leia a notícia completa no Público (acesso condicionado)

Investigação do Ministério Público à Yupido ainda decorre

Mais de um ano depois de a Yupido ter sido descoberta com um capital social de 29 mil milhões de euros, o Ministério Público (MP) continua a investigar a empresa. Em declarações ao DN, fonte da Procuradoria-Geral da República confirmou que têm estado a ser realizadas diversas diligências, entre as quais a inquirição de testemunhas. Contudo, para já, não há arguidos constituídos. Leia a notícia completa no Diário de Notícias

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Hoje nas notícias: Digitalização, globalização e imóveis

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião