Governo autoriza Teixeira Duarte a vender gestora do Hospital de Cascais

A alienação da gestora do Hospital de Cascais vai reduzir a dívida do grupo em cerca de 75 milhões de euros. O preço global definido para a operação foi de 19,4 milhões de euros.

A construtora nacional, Teixeira Duarte, já recebeu esta quinta-feira luz verde do Ministério da Saúde para vender a gestora do Hospital de Cascais a um fundo britânico por 19,4 milhões de euros.

“O processo instrutor foi analisado pela Unidade Técnica de Acompanhamento de Projetos, que, na vertente da análise jurídico financeira, não identificou fundamentos que obstem à aprovação da operação em causa“, indica o despacho publicado em Diário da República.

A empresa TDHOSP, gestora do edifício do Hospital de Cascais, será assim vendida pela Teixeira Duarte à gestora de fundos 3i Invesments. O preço global definido para a operação, de 19,4 milhões de euros, inclui a transmissão das ações e dos direitos de crédito existentes sobre a TDHOSP.

A alienação vai reduzir a dívida do grupo em cerca de 75 milhões de euros, frisou a construtora, quando comunicou a operação à CMVM. A redução do passivo do grupo acontece porque, com a venda, as responsabilidades da construtora passam para o novo dono.

Comentários ({{ total }})

Governo autoriza Teixeira Duarte a vender gestora do Hospital de Cascais

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião