Coletes amarelos: Marcelo tentou travar camionistas

  • ECO
  • 20 Dezembro 2018

Organizadores da manifestação "Vamos parar Portugal" pediram reunião a Belém mas não receberam resposta.

A viagem de camião TIR que Marcelo Rebelo de Sousa fez na passada terça-feira foi uma forma de o Presidente da República serenar os ânimos dos camionistas, escreve esta quinta-feira o Público (acesso condicionado). De acordo com a publicação, Marcelo quis travar os organizadores anónimos da organização que ameaça replicar os protestos dos “coletes amarelos” franceses em Portugal, se não fosse dada uma resposta do Governo às queixas dos profissionais.

Esta terça-feira, Marcelo reuniu-se com representantes do grupo “Motoristas do Asfalto” e viajou por momentos num camião de Fernando Frazão, com câmaras de televisão a acompanhar o passeio, escreve o Público. No mesmo dia, o Presidente admitiu que os coletes amarelos teriam contactado os camionistas para aderirem ao protesto mas não tinha conhecimento de qualquer garantia sobre a adesão ou não à manifestação.

A organização do protesto, que deverá decorrer esta sexta-feira, contactaram o Palácio de Belém há algumas semanas para pedir um encontro com o Presidente da República mas ainda não terão tido resposta ao pedido. “Uma coisa é a manifestação pacífica, que é timbre em Portugal, outra coisa é a violência a que assistimos noutros países”, disse Marcelo à saída do almoço com os camionistas.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Coletes amarelos: Marcelo tentou travar camionistas

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião