Direto Programa de investimentos “é para séculos”, diz Costa

Para o primeiro debate quinzenal deste ano, António Costa leva ao Parlamento o Programa Nacional de Investimentos 2030. O objetivo é conseguir uma maioria de dois terços para aprová-lo.

Foram dias marcados por governantes a correr o país para apresentar vários projetos de investimento no setor dos transportes: na segunda-feira, foi lançado o concurso público da CP para a compra de 22 composições para reforçar o serviço regional. Na terça-feira, teve lugar, na base aérea do Montijo, a cerimónia de assinatura do memorando de entendimento entre o Estado e a ANA – Aeroportos de Portugal para a expansão da capacidade aeroportuária da região de Lisboa. Na quarta-feira, foi lançado o concurso público para a expansão da rede metropolitana de Lisboa. Um dia depois, o Conselho de Ministros apreciou o Programa Nacional de Investimentos 2030 e decidiu submetê-lo à Assembleia da República.

É precisamente assim que irá terminar a semana. Para o primeiro debate quinzenal deste ano, António Costa leva ao Parlamento este mesmo Programa Nacional de Investimentos 2030, depois de ter dito, por várias vezes ao longo destes dias, que procura um apoio alargado, incluindo da oposição, para avançar com a estratégia de investimentos estruturantes para a próxima década. O objetivo, diz, é conseguir uma maioria de dois terços para aprovar este programa.

Acompanhe aqui, ao minuto, o primeiro debate quinzenal do ano.

Comentários ({{ total }})

Programa de investimentos “é para séculos”, diz Costa

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião