Neste bar de Lisboa só há águas. É o único da Europa

Em plena internacionalização, a Lev lançou em Portugal um negócio para um novo nicho. As lojas da marca portuguesa vão passar a ter bares de águas que contam já com 50 referências diferentes.

Este é o primeiro bar de águas da Europa.D.R.

Inodora, incolor, insípida? Esqueça tudo o que aprendeu sobre a água. A portuguesa Lev, até agora focada em programas de dieta de emagrecimento, decidiu inaugurar em Lisboa o primeiro bar de águas da Europa, uma aposta num novo nicho de negócio que alarga a oferta da marca e representa para a empresa um investimento de dois milhões de euros (na renovação das lojas que já têm ou terão este serviço).

A ideia surgiu da paixão de Cycil Decoret por águas diferentes. E não foi preciso muito para convencer o sócio, Luís Vazão, a confiar. O entusiasmo serve muitas vezes de catalisador. E, claro, da inovação que a empresa, lançada em 2000, queria dar aos mais de 100 mil clientes que tem em Portugal.

“O nosso conceito inicial era ‘comer para emagrecer’ e, portanto, muito limitado à clínica de emagrecimento. Este bar surge para humanizar o nosso conceito, alargar o espetro e trazer mais pessoas. Quisemos criar um conceito mais abrangente, que inclui não só alimentos mas também bebidas”, conta Decoret ao ECO. Vazão acrescenta que alargando o conceito de emagrecimento a nutrição, o foco é ampliado. “Nutrição não é só manter o peso. Pode ser nutrição desportiva, por exemplo. E quem quiser explorar a fundo o conceito de nutrição, não se trata só de alimentos mas também de bebidas”, detalha.

Luís Vazão e Cycil Decoret, sócios e fundadores da Lev.D.R.

Com uma centena de pessoas a trabalhar na equipa e 22 lojas em Portugal, a empresa começou a expandir o conceito para outros países da Europa, contando já com seis lojas em Espanha (Madrid, Málaga, Barcelona e Valência) e uma na Suíça. E a ideia é continuar a crescer.

No arranque do bar — que já existe em sete clínicas portuguesas, nas seis em Espanha e na da Suíça –, estão disponíveis 50 referências de águas diferentes que vão desde a água glaciar mais antiga do mundo, com 6.000 anos, a algumas das mais puras águas do planeta ou águas com gás de rosmaninho, proveniente de uma vila em Itália que conta com o maior número de pessoas com mais de 100 anos da Europa: chamam ao rosmaninho o “elixir da longevidade”. Outras das referências disponíveis são águas enriquecidas de oxigénio, ideais para desportistas no pré e no pós-treino.

Nutrição não é só manter o peso. Pode ser nutrição desportiva, por exemplo. E quem quiser explorar a fundo o conceito de nutrição, não se trata só de alimentos mas também de bebidas.

Luís Vazão

Cofundador e sócio da Lev

“Quisemos ter o máximo de águas possível em função do sabor. As nossas águas são águas ao natural, o bem mais natural que existe na terra, águas com aromas e sem açúcares nem adoçantes, e águas terapêuticas”, conta Decoret. Por isso, são aconselhadas e receitadas pelos nutricionistas, consoante as necessidades e o estilo de vida dos diferentes clientes. “Beber água de um glaciar milenar com 6.000 anos, a água mais antiga do mundo, da Gronelândia, é uma experiência. Tanto é que, se comparar a cor desta água e de outras, é diferente. Por exemplo, uma água russa do maior lago do mundo, uma água glaciar, não têm terapêuticas mas, a nível gustativo, é diferente porque pode beber-se quente mas ela sabe sempre como se estivesse fria”, descreve. A ideia é que a lista seja, até ao final do ano, alargada até às 70 referências.

 

Produção nacional

Sem excluir a abertura de novas lojas em Portugal, a empresa está, por agora, mais focada na expansão internacional. Com três lojas em Madrid e outras em Barcelona, Málaga e Valência, as próximas aberturas deverão acontecer, provavelmente, no Luxemburgo. “O objetivo é estarmos em diversas capitais europeias”, explica Vazão, acrescentando que a Lev é dona de quase todas as lojas sendo, em alguns dos casos, abertas em parceria com trabalhadores da empresa.

Por Portugal passará, por enquanto, a aposta na produção própria: a nova linha de congelados e de pastelaria não açucarada deverá ser alargada e todas as referências são produzidas em Portugal. Quanto aos restantes produtos, a sua produção é garantida por fábricas em Espanha, França e Canadá.

 

Comentários ({{ total }})

Neste bar de Lisboa só há águas. É o único da Europa

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião