IKEA transforma parque de estacionamento em bazar. E são os clientes que vão vender artigos em 2.ª mão

Gigante sueca desafia clientes IKEA Family a vender artigos em 2.ª mão nos dias 25 e 26 de maio, no parque de estacionamento das cinco lojas que tem em Portugal.

A IKEA vai organizar um bazar para venda de artigos em “2.ª mão para pôr o mundo em 1.º”. A ideia da gigante sueca é usar o parque de estacionamento das cinco lojas IKEA em Portugal — Alfragide, Loures, Loulé, Matosinhos e Braga –, nos dias 25 e 26 de maio, para permitir aos clientes IKEA Family venderem artigos de decoração em 2.ª mão.

A iniciativa vai permitir “durante os dias indicados, expor, trocar, comprar ou vender os seus mobiliários próprios e objetos de decoração, num espaço delimitado sito nas instalações privadas da IKEA, que será especificamente reservado para a realização deste evento“, explica a empresa no regulamento do Bazar.

A venda será feita “de consumidor a consumidor”, “por conta e risco dos mesmos”, sendo a IKEA considerada sempre como entidade terceira, “estranha à relação que se estabeleça entre os participantes e os potenciais compradores dos artigos expostos”, acrescenta a empresa sueca.

O Bazar é um evento realizado no âmbito de ação de responsabilidade social da companhia “para permitir, de forma gratuita, a animação e dinamização da comunidade local, no interesse de todos”. Assim, é proibida a participação ou venda de artigos por parte de “feirantes” ou “vendedores ambulantes” ou exercício de atividades de comércio a retalho não sedentárias, acrescenta o regulamento.

O número de inscrições no evento está sujeito a um máximo de 64 participantes por dia. As inscrições para o Bazar IKEA podem ser feitas aqui.

Comentários ({{ total }})

IKEA transforma parque de estacionamento em bazar. E são os clientes que vão vender artigos em 2.ª mão

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião