Bolsa de Lisboa fecha em alta e contraria sentimento europeu. Papel e telecomunicações sustentam PSI-20

Lisboa fechou última sessão da semana em terreno positivo, ao contrário das bolsas europeias, à boleia do bom desempenho na energia, papel e telecomunicações. Depois de arranque positivo, BCP cai.

A praça lisboeta fechou a semana de negociação com uma sessão positiva contrariando a tendência de queda que se impôs nos principais índices europeus. As cotadas da energia e do setor papel foram quem mais puxou pela bolsa.

O PSI-20 encerrou sexta-feira nos 5.126,26 pontos, fruto de uma subida de 0,58%, com 12 títulos no verde e seis no vermelho. A Semapa (4,15%), Corticeira Amorim (3,53%), Galp Energia (2,09%) e Altri (1,98%) foram as cotadas que mais valorizaram ao longo desta sexta-feira. Do lado oposto, ficaram a Sonae Capital (-4,51%), Mota-Engil (-0,95%) e também o BCP, que perdeu 0,46%, fechando nos 0,2598 euros, depois de ter começado o dia a ganhar 0,8%.

O índice de referência português escapou assim ao sentimento negativo que puxou as principais praças europeias para terreno negativo esta sexta-feira, com o FTSE a recuar 0,6%, o DAX alemão a cair 0,3%, quebra idêntica à registada no CAC-40. Já em Espanha, o Ibex35 acabou por ser também uma exceção, tendo valorizado 0,5% ao longo da sessão.

As praças europeias refletiram assim as mesmas preocupações sentidas por Wall Street, onde as principais bolsas abriram em queda, face às mais recentes notícias sobre o escalar de tensões entre os Estados Unidos e o Irão.

Esta pressão negativa só não está a ser mais pronunciada porque estará a ser contida pelo regresso às subidas do petróleo, que desde o início da corrente semana está a valorizar 4,92%, depois de ter fechado as últimas quatro semanas sempre no vermelho, mas também pelas recentes posições assumidas pelo BCE e pela Fed.

Comentários ({{ total }})

Bolsa de Lisboa fecha em alta e contraria sentimento europeu. Papel e telecomunicações sustentam PSI-20

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião