Vitacress abdica de área de cultivo para promover biodiversidade

  • Ricardo Vieira
  • 25 Junho 2019

A empresa do sudoeste alentejano reserva 12% das quintasa faixas de flores para promover a biodiversidade.

A Vitacress, empresa nacional de produção de agrícola, foi distinguida pelo trabalho de sustentabilidade ambiental que desenvolve. A empresa abdicou de 12% de área de exploração, que agora é ocupada com faixas de flores que promovem a biodiversidade. Além de atrair polinizadores, esta zona promove o aparecimento de outros insetos que servem de alimento a outras espécies.

A empresa portuguesa “foi uma das entidades pioneiras na implementação deste programa internacional que contribui para o aumento da biodiversidade no setor agrícola, promovendo a criação de habitats propícios à proliferação de espécies de insetos polinizadores”, refere em comunicado.

Distinção foi entregue pela Syngenta a Clarisse Boto, agrónoma da Vitacress

“Desde há muito tempo que a Vitacress tem um cuidado acrescido na promoção de práticas de sustentabilidade ambiental que permitem preservar a biodiversidade existente nas nossas quintas. O reconhecimento atribuído pela Syngenta vem confirmar que a nossa política de inovação nesta área está a dar os seus frutos e que, desta forma, estamos a contribuir para melhorar o habitat de todas as espécies que convivem connosco diariamente”, afirma Luís Mesquita Dias, diretor-geral.

Comentários ({{ total }})

Vitacress abdica de área de cultivo para promover biodiversidade

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião