Startup Portugal vai trazer “pitch doctors” para formar empreendedores portugueses

Acesso a formações será gratuito para startups e fundadores que tenham relações próximas com incubadoras da Rede Nacional.

Apresentação dos resultados da Startup Portugal e o impacto do Ecossistema empreendedor na Economia portuguesa - 26JUL19
João Borga, diretor da Startup Portugal.Hugo Amaral/ECO

A Startup Portugal, responsável pela implementação da estratégia nacional para o empreendedorismo, vai trazer “pitch doctors”, internacionais, especialistas em pitch, a Portugal para formar os empreendedores no país, anunciou esta manhã João Borga, diretor da Startup Portugal, na cerimónia que assinalou o terceiro aniversário da associação.

“Queremos trazer os maiores pitch doctors internacionais para passar as maiores táticas e dicas sobre os melhores pitch a nível mundial”, anunciou o responsável.

A ideia é que a iniciativa seja mais desenvolvida já depois do verão, garantindo acesso a alguns dos grandes especialistas mundiais em pitch, apresentações que os fundadores de startups fazem, sobretudo, perante potenciais investidores e que, muitas vezes, são o primeiro passo para rondas de financiamento.

De acordo com João Borga, o acesso a estas sessões será gratuito para startups que tenham relações próximas com incubadoras que pertençam à Rede Nacional de Incubadoras. De acordo com os números anunciados esta sexta-feira, o número de startups nacionais incubadas já ultrapassa as 3.200 e os negócios gerados por startups e empreendedores já representa 1,1% do PIB nacional, segundo dados relativos a 2018.

Comentários ({{ total }})

Startup Portugal vai trazer “pitch doctors” para formar empreendedores portugueses

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião