Trump acusa Reserva Federal de ter “algemada” a economia norte-americana

Donald Trump voltou a não poupar críticas à gestão de Jerome Powell e pediu um corte de um ponto percentual na taxa de juro de referência, porque o dólar forte está a prejudicar a indústria.

O Presidente dos Estados Unidos voltou a atacar a gestão da Reserva Federal, acusando os responsáveis de “algemarem” a economia norte-americana, e pediu um novo corte da taxa de juro diretora pelo banco central norte-americano, mas de um ponto percentual, quatro vezes mais que o corte decidido na semana passada e que foi o primeiro desde dezembro de 2008.

De acordo com a Reuters, Donald Trump disse aos jornalistas na Casa Branca que o dólar forte está a prejudicar a indústria norte-americana e que a Reserva Federal tem de voltar a baixar a taxa de juro, que estabelece um valor de referência para o custo do dinheiro nos Estados Unidos.

As palavras do Presidente dos EUA surgem já depois do anúncio na semana passada pela Reserva Federal de um corte nas taxas de juro, o primeiro desde dezembro de 2008, poucos meses após a queda do Lehman Brothers e o do resgate da AIG.

Donald Trump foi mais longe e pediu mesmo que o corte na taxa de juro fosse de um ponto percentual. O corte decidido na semana passada foi de apenas um quarto.

Comentários ({{ total }})

Trump acusa Reserva Federal de ter “algemada” a economia norte-americana

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião