Carlos Carreiras critica ex-ministro Pedro Marques: “Não cumpriu mas continuou a prometer”

O presidente da Câmara Municipal de Cascais criticou esta quinta-feira o anterior ministro da tutela das infraestruturas, Pedro Marques, referindo a "falência" da linha de Cascais e a saturação da A5.

O presidente da Câmara Municipal de Cascais criticou o anterior ministro Pedro Marques, afirmando que o então titular da pasta das infraestruturas “não cumpriu mas continuou a prometer”. Carlos Carreiras, do PSD, falava no palco da conferência Portugal Mobi Summit, na presença do atual ministro do Ambiente e da Transição Energética.

O autarca referia-se, concretamente, ao que chamou de “falência da linha [ferroviária] de Cascais” e a cada vez mais saturada Autoestrada 5 (A5), assuntos que fizeram a Câmara Municipal chocar com o ministro do Planeamento e das Infraestruturas que foi antecessor do atual ministro, Pedro Nuno Santos. É necessário “avançar na descentralização, depois de muitas promessas não cumpridas”, acrescentou.

Apesar das críticas, Carlos Carreiras aproveitou a presença do ministro João Pedro Matos Fernandes para desejar “felicidades” ao novo Governo que toma posse este sábado, defendendo que o sucesso do país também depende das políticas públicas implementadas pelo Governo.

Na mesma conferência sobre mobilidade, o presidente da Câmara Municipal de Cascais afirmou que pretende que o município que lidera seja um “território laboratorial” em que novas soluções são testadas, numa lógica de tentativa e erro. Apesar das muitas tentativas, Carlos Carreira garantiu terem existido “muitos poucos erros”.

Por fim, num evento em que estão presentes alguns dos maiores players do setor da mobilidade e da energia, o autarca lembrou que a “mobilidade é um direito constitucional”. Ao mesmo tempo, “é um dos mais esquecidos”, rematou.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Carlos Carreiras critica ex-ministro Pedro Marques: “Não cumpriu mas continuou a prometer”

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião