Disney+ conquista mais de dez milhões de assinantes no dia da estreia

  • Lusa e ECO
  • 14 Novembro 2019

O novo serviço de streaming Disney+ alcançou em apenas um dia o número de subscritores que os analistas previam que conquistasse em um ano: dez milhões de assinantes.

O Disney+ já tem mais de dez milhões de assinantes.EPA/CHRISTIAN MONTERROSA

O Disney+ conquistou mais de dez milhões de subscritores no dia da estreia, superando as expectativas dos analistas, que previam que o novo serviço de streaming levaria um ano a alcançar esta dimensão.

A informação foi cedida pela Disney, que não detalhou a origem das assinaturas. Nomeadamente, se eram gratuitas ou pagas mensal ou anualmente. Para comparação, a Netflix conseguiu 158 milhões de assinantes desde o lançamento de sua plataforma de streaming em 2007.

O novo serviço de streaming de filmes e séries Disney+ é considerado um “ecossistema” das criações das marcas Disney. Entre elas, Pixar, Marvel e National Geographic. Foi lançado na terça-feira nos Estados Unidos, Canadá e Holanda, e chega a outros países europeus a 31 de março.

Para Portugal ainda não há data prevista, mas os responsáveis da Disney asseguram que, depois do lançamento em Espanha, França, Itália, Alemanha e Reino Unido, a 31 de março de 2020, o serviço de conteúdos audiovisuais por subscrição “vai expandir-se rapidamente” para outros países europeus. Além disso, a plataforma já tem página em português de Portugal, onde promete novidades para breve.

Para o primeiro ano, o Disney+ prometeu a criação de 30 séries e 15 filmes originais, que se juntam numa biblioteca de 7.500 episódios de séries e 500 títulos de filmes, todos à disposição dos utilizadores para visionamento em qualquer plataforma, ou download em qualquer altura, por um custo mensal de 6,99 dólares (preço nos Estados Unidos, equivalente a cerca 6,34 euros).

O Disney+ inclui as 30 temporadas dos The Simpsons e o conjunto completo dos nove episódios da Guerra das Estrelas, acrescentando novas séries relacionadas, como The Mandalorian, que também estreou esta quarta-feira. Filmes com datas de estreia em 2019, como Rei Leão, Avengers Endgame, Toy Story 4, Frozen 2 e Guerra das Estrelas: A Ascensão de Skywalker vão estar em exclusivo no Disney+, depois do período reservado para os cinemas.

Na próxima semana, em 19 de novembro, o Disney+ estreia-se na Austrália e na Nova Zelândia. O serviço, que teve um teste técnico na Holanda no mês de setembro, prevê ter entre 60 milhões a 90 milhões de aderentes, com subscrições pagas, no ano fiscal de 2024, segundo a empresa.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Disney+ conquista mais de dez milhões de assinantes no dia da estreia

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião