China revê em alta PIB de 2018. Não tem impacto em 2019

  • Lusa
  • 22 Novembro 2019

Gabinete Nacional de Estatísticas chinês diz que a revisão não terá um "impacto significativo" nos cálculos do crescimento do PIB em 2019.

As estatísticas chinesas reviram os cálculos do seu PIB [Produto Interno Bruto] nominal, em 2018, para 91,93 biliões de yuan (11,83 biliões de euros), mais 2,1% do que o valor declarado anteriormente.

A diferença entre o número publicado em janeiro passado e a revisão agora anunciada é de 1,9 bilião de yuan (244.086 milhões de euros), detalha o Gabinete Nacional de Estatísticas chinês, em comunicado.

Esta revisão corresponde a uma “verificação final” do PIB chinês, realizada após o censo económico nacional de 2018, o quarto exercício deste tipo no país, após ter sido realizado também nos anos 2004, 2008 e 2013.

Os novos dados revelam uma diminuição do peso das indústrias primárias e secundárias na riqueza total da China, em relação à estimativa inicial, de 0,1% e 1%, respetivamente, e um aumento de 1,1% no setor terciário.

Apesar do aumento em termos nominais, o GNE considerou que a situação não terá um “impacto significativo” nos cálculos do crescimento do PIB em 2019.

As autoridades chinesas estabeleceram uma meta de crescimento do PIB entre 6 e 6,5%, para este ano, um ritmo que instituições internacionais como o Fundo Monetário Internacional (FMI) acreditam que o país alcançará.

Comentários ({{ total }})

China revê em alta PIB de 2018. Não tem impacto em 2019

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião