Nestlé investe 11 milhões em Portugal para produzir snacks biológicos para todo o mundo

  • ECO
  • 9 Dezembro 2019

A empresa vai passar a confecionar snacks biológicos para bebé, que serão depois exportados para mais de 30 países. Para isso, vai contratar 14 novos colaboradores e formar os atuais.

A Nestlé vai investir 11 milhões na fábrica de Avanca, em Estarreja, para confecionar snacks biológicos para bebés. Posteriormente, estes alimentos serão exportados para todo o mundo.

“O investimento da Nestlé veio capacitar a nova linha para a produção de 80 latas por minuto, correspondentes a 130 kg por hora, o que deverá suprir as necessidades da marca nos próximos 15 a 20 anos”, refere a empresa, em comunicado enviado esta segunda-feira. Dado que o mercado de comida para bebé está em crescimento, a Nestlé espera chegar ao final de 2021 com um cerca de 400 toneladas por ano.

Para produzir estes snacks, e parte do investimento, foram contratados 14 novos colaboradores e foi dada formação aos envolvidos, nomeadamente no que toca ao embalamento. Os Naturnes Bio NutriPuffs, como são chamados, têm embalagens 100% recicláveis e cumprem o compromisso anunciado pela Nestlé no ano passado, de ter 100% das embalagens recicláveis ou reutilizáveis até 2025.

“O segmento de baby food [comida de bebé] biológico tem uma grande expressão em países como os Estados Unidos, onde chega aos 40%. A nível nacional é ainda muito pequeno, com uma quota de até 3% na comida para bebé, mas da qual a Nestlé tem uma fatia de 40%, por isso sentimos que temos também a responsabilidade de fazê-lo crescer”, diz Ludovic Aujogue, Business Executive Officer Nestlé Nutrição Infantil, citado em comunicado.

Estes alimentos serão exportados para mais de 30 países. Para isso será feito o investimento de 11 milhões de euros na fábrica de Avanca, que faz parte de um total de 40 milhões de euros de investimento que, durante 20 meses, será feito nas unidades de Avanca e do Porto.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Nestlé investe 11 milhões em Portugal para produzir snacks biológicos para todo o mundo

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião