DCIAP investiga nova queixa da ex-eurodeputada Ana Gomes contra Isabel dos Santos

  • ECO e Lusa
  • 10 Janeiro 2020

Ana Gomes entregou em novembro uma queixa à Procuradoria-Geral da República que visa operações de Isabel dos Santos. A denúncia da ex-eurodeputada está a ser investigada pelo DCIAP.

A antiga eurodeputada socialista Ana Gomes entregou uma queixa à Procuradoria-Geral da República (PGR) portuguesa que visa as operações financeiras da empresária angolana Isabel dos Santos e que está a ser investigada pelo DCIAP.

A PGR confirmou à Lusa a receção da queixa de Ana Gomes, dizendo que a mesma foi remetida pelo Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP). A notícia foi avançada inicialmente pelo Jornal Económico.

A queixa da antiga eurodeputada, que já tinha dito publicamente que iria apresentar novos elementos à PGR sobre os negócios de Isabel dos Santos, foi também enviada à diretora-geral da Autoridade Tributária (AT). Ana Gomes publicou a carta que enviou à PGR e ao Fisco no seu site onde dá conta das operações que deixam dúvidas e merecem ser investigadas.

Ana Gomes pediu investigações judiciais e tributárias à origem dos fundos com que Isabel dos Santos adquiriu a Efacec e reembolsou ou reembolsa o empréstimo concedido pelo EuroBic a Sindila Dokolo, marido da empresária angolana.

A antiga eurodeputada também pediu que fossem investigadas transferências, que ascenderão a mais de 100 milhões de euros, em nome da Sonangol, para várias sociedades de Isabel dos Santos sediadas no Dubai, envolvendo o banco português de que a angolana é acionista.

Na mesma carta, datada de 12 de novembro, Ana Gomes revelou que o Banco de Portugal abriu uma investigação-relâmpago ao EuroBic no final de outubro. “A gravidade do que lá foi encontrado terá determinado a realização de uma inspeção mais aprofundada, que estará em curso”, adiantou.

Segundo Ana Gomes, Isabel dos Santos e “outros cleptocratas angolanos” utilizam a banca portuguesa para “branquear” fundos desviados de Angola, em prejuízo do povo angolano.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

DCIAP investiga nova queixa da ex-eurodeputada Ana Gomes contra Isabel dos Santos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião