Luanda Leaks: Carlos Costa ouvido no Parlamento no dia 4 de março

Deputados da comissão de Orçamento e Finanças aprovaram a audição do governador do Banco de Portugal no próximo dia 4 de março.

O governador do Banco de Portugal vai ser ouvido no Parlamento, por causa do caso Luanda Leaks, na próxima semana. A audiência de Carlos Costa na Comissão de Orçamento e Finanças está agendada para o próximo dia 4 de março.

Esta audição decorre de um requerimento feito pelo Bloco de Esquerda, que considerou ser “imperativo que o Banco de Portugal esclareça o acompanhamento que estará a fazer às atividades financeiras relacionadas com Isabel dos Santos em Portugal”. Os bloquistas querem “apuramento de todas as responsabilidades nas falhas no sistema de prevenção do branqueamento de capitais do EuroBic”.

Segundo a investigação do consórcio internacional de jornalistas, Isabel dos Santos terá transferido mais de 100 milhões de dólares de contas da Sonangol no EuroBic para uma offshore no Dubai.

Na sequência da polémica, a empresária colocou a sua posição de 42,5% do banco à venda. O Abanca está agora a realizar uma due diligence para fechar a aquisição do EuroBic que se espera que venha a acontecer nas próximas semanas.

Carlos Costa também deverá ser chamado ao Parlamento por causa do tema do cartel da banca e das comissões bancárias.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Luanda Leaks: Carlos Costa ouvido no Parlamento no dia 4 de março

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião