Huawei Music vai concorrer com Spotify e Apple. Dá três primeiros meses aos clientes da marca

A Huawei lançou na Europa uma plataforma de música alternativa ao Spotify e ao Apple Music. Cobra uma mensalidade de 6,99 euros e oferece os três primeiros meses de serviço.

Chegou a Portugal o novo serviço Huawei Music, a alternativa da marca chinesa às plataformas Spotify e Apple Music. A empresa está a promover o lançamento da aplicação na Europa com a oferta de três meses de serviço grátis para novos utilizadores até 26 de abril.

A Huawei Music é uma nova plataforma de streaming por subscrição que tem um custo mensal de 6,99 euros. Este valor está em linha com o dos pacotes base cobrados pelo Spotify e pela Apple. A Huawei promete o “acesso a milhões de músicas”.

“O novo serviço oferece uma ampla biblioteca de streaming, sem anúncios, e faixas de produtoras de classe mundial, como a Warner Music, Sony Music e Universal Music, com mais de 50 milhões de faixas e 1,2 milhões de álbuns”, indica a empresa num comunicado. É “o equivalente a mais de 300 anos de música sem parar”, garante.

O lançamento da aplicação na Europa é o mais recente passo da Huawei no sentido da independência face à tecnologia ocidental. Em plena guerra comercial sino-americana, a gigante tecnológica foi surpreendida no ano passado com a decisão de Donald Trump de forçar empresas como a Google a cortarem relações com a empresa chinesa.

Assim, depois de perder o acesso a serviços populares da Google, como o Maps e o YouTube, a Huawei tem estado a desenhar um novo ecossistema próprio, do qual a Huawei Music faz parte. Isso fica patente no facto de a Huawei Music só estar disponível na AppGallery, a alternativa da marca à Play Store e à App Store.

Segundo a Huawei, a app “foi desenvolvida para funcionar perfeitamente com todos os produtos da marca, desde smartphones e tablets a produtos de áudio e smartwatches, proporcionando aos utilizadores uma experiência musical inovadora em todos os cenários”. Por outras palavras, utilizadores com equipamentos de outras marcas estão fora da espetro do serviço.

A chegada da plataforma Huawei Music a Portugal acontece em simultâneo com o lançamento num conjunto alargado de outros países, incluindo Reino Unido, Irlanda, Alemanha, França, Itália, Espanha, Bélgica, Suíça, Holanda, Finlândia, Suécia, Noruega, Dinamarca, Áustria e Grécia. A empresa revela ainda um plano “de expansão gradual para os restantes países” europeus, sendo que garante que o serviço, até aqui disponível em mercados asiáticos, já tem 160 milhões de utilizadores mensais.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Huawei Music vai concorrer com Spotify e Apple. Dá três primeiros meses aos clientes da marca

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião