Quase 34 mil mortos e mais de 715 mil infetados em todo o mundo

  • Lusa
  • 30 Março 2020

Segundo um balanço da AFP, já foram diagnosticados pelo menos 715.204 casos de infeção pelo novo coronavírus. A Itália continua a ser o país mais afetado em número de mortes, seguido da China.

A pandemia do Covid-19 matou pelo menos 33.568 pessoas no mundo inteiro desde que a doença surgiu em dezembro na China, segundo um balanço da AFP às 08:00, a partir de dados oficiais.

De acordo com a agência de notícias francesa, já foram diagnosticados pelo menos 715.204 casos de infeção pelo novo coronavírus, que provoca a doença Covid-19, e a pandemia espalhou-se por 183 países ou territórios.

A Itália continua a ser o país mais afetado em número de mortes (10.779), seguido da China (3.304 mortes), o foco inicial do contágio. Os Estados Unidos registam 143.025 casos e 2.514 mortes.

O número de casos confirmados de Coronavírus em Portugal aumentou para 5.962, enquanto o número de vítimas mortais também subiu para 119.

A AFP alerta que o número de casos diagnosticados reflete apenas uma fração do número real de infeções, já que um grande número de países está agora a testar apenas os casos que requerem atendimento hospitalar.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Quase 34 mil mortos e mais de 715 mil infetados em todo o mundo

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião