Maioria dos CEO aposta numa saída da recessão em “U”

  • ECO
  • 22 Abril 2020

Um inquérito alargado a milhares de presidentes executivos em mais de uma centena de países concluiu que a maioria dos líderes de empresas vê uma recuperação em forma de "U" no horizonte.

Cerca de 60% dos presidentes executivos antecipa uma recuperação mundial em forma de “U”, concluiu um inquérito da YPO realizado em meados de abril e no qual participaram 3.534 gestores em 109 países. Além disso, 11% considera que o coronavírus é uma ameaça à sobrevivência da empresa que lidera, de acordo com a Reuters.

Muito se tem falado sobre a forma da recuperação no pós-recessão — sobretudo, se terá a forma de “V”, de “U” ou de “L”. A conclusão deste estudo aponta, assim, que a maioria dos presidentes executivos inquiridos prevê uma queda abrupta, seguida de um período de dificuldades e, depois, de uma recuperação.

A recuperação em “U” é um cenário menos otimista do que a recuperação rápida e acentuada em “V”. No entanto, é uma previsão mas mais otimista do que em “L”, que pressupõe um longo período de crise.

O setor da restauração é um dos mais castigados pela pandemia do coronavírus, o “gatilho” que deu início ao período de dificuldades em que o mundo já está a viver. 41% dos gestores executivos deste setor considera que a empresa está em risco de não sobreviver, uma percentagem que é de 30% no setor da aviação e de 19% no setor grossista e de retalho.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Maioria dos CEO aposta numa saída da recessão em “U”

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião