APG celebra dia internacional dos recursos humanos com webinar

  • Pessoas
  • 18 Maio 2020

Associação Portuguesa de Gestão das Pessoas lança webinar para discutir os desafios de conectar pessoas e organizações, em concreto no âmbito dos recursos humanos. Evento assinala o dia internacional.

Mário Ceitil, presidente da APG.Hugo Amaral/ECO

A Associação Portuguesa de Gestão das Pessoas (APG) organiza esta quarta-feira, 20 de maio, um webinar que assinala o dia internacional dos recursos humanos, uma iniciativa da European Association for People Management (EAPM).

No webinar vão participar Mário Ceitil, presidente da APG, Elsa Carvalho, diretora de recursos humanos da Caixa Geral de Depósitos, Pedro Ramos, diretor de recursos humanos da TAP e Rui Alves, Johnson & Johnson head of HR para o sul da Europa. O debate será moderado por Mariana de Araújo Barbosa, diretora executiva da revista Pessoas.

A conversa entre os quatro intervenientes será “HR connecting People and Organisations: Recognition and Solidarity”. As boas-vindas serão dadas pelo presidente da EAPM, Lucas van Wees. As inscrições para assistir a esta conversa, que decorre a partir das 18h00, podem ser feitas aqui.

Reconhecimento e solidariedade

Também no âmbito do dia internacional dos recursos humanos, assinalado a 20 de maio, a direção nacional da APG divulgou uma mensagem a propósito do “reconhecimento e solidariedade”, enquadrado “na atual situação dramática que o mundo atravessa em virtude da pandemia da Covid-19”.

Na mensagem, a associação sublinha as “múltiplas leituras possíveis” em três dimensões: reconhecimento a todos os profissionais, ao “papel difícil que os profissionais de gestão de pessoas têm desempenhado” e, finalmente, “às pessoas que enfrentam quotidianamente os dramas de uma existência que para alguns é já quase insuportavelmente difícil, sem desistir de dar o seu melhor a cada dia”.

“Por tudo isto, a celebração do Dia Internacional dos RH constitui a homenagem, mais do que apenas aos seus protagonistas diretos, à própria ideia de que, num mundo onde ainda surgem, a vários níveis, inquietantes sinais de dislexia social, são sobretudo os valores da contenção, da compaixão e da consciência que constituem as bases mais sólidas para a reconceção do nosso futuro coletivo”, assinala a APG na mensagem publicada no site da associação.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

APG celebra dia internacional dos recursos humanos com webinar

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião