Nomeados por Centeno para conselho consultivo do Banco de Portugal querem sair

  • ECO
  • 9 Julho 2020

João Talone, Francisco Louçã, Murteira Nabo e Luís Nazaré colocaram o lugar à disposição, dando margem ao novo ministro das Finanças para escolher pessoas da sua confiança para aquele órgão.

Os quatro membros do Conselho Consultivo do Banco de Portugal nomeados pelo ex-ministro das Finanças Mário Centeno — João Talone, Francisco Louçã, Murteira Nabo e Luís Nazaré — terão colocado o lugar à disposição, avança o Público (acesso condicionado) nesta quinta-feira.

A intenção de abandonarem funções terá sido comunicada a João Leão nas últimas semanas, com a finalidade de dar espaço ao novo ministro das Finanças para escolher nomes da sua confiança para aquele órgão. Esta decisão surge ainda numa altura em que também têm surgido criticas relativamente ao facto de ter sido Centeno a nomeá-los para exercer funções consultivas no supervisor para onde irá agora transitar.

Foi em fevereiro de 2017 que o Governo anunciou o convite a João Talone, Francisco Louçã, Murteira Nabo e Luís Nazaré, para integrarem o Conselho Consultivo do Banco de Portugal, na qualidade de independentes.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Nomeados por Centeno para conselho consultivo do Banco de Portugal querem sair

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião