CP alerta para “fortes perturbações” na circulação de comboios esta sexta-feira por causa da greve

Por motivo de greve dos trabalhadores, a CP prevê perturbações significativas na circulação de comboios esta sexta-feira. Impacto da paralisação pode sentir-se já esta quinta-feira e chegar a sábado.

Face à greve dos trabalhadores das bilheteiras e dos revisores, a CP prevê “perturbações significativas na circulação de comboios”, a nível nacional, esta sexta-feira, 24 de julho. A paralisação poderá também impactar o serviço já esta quinta-feira, ao final do dia, e durante a manhã de sábado.

“A Comboios de Portugal (CP) informa que, por motivo de greve convocada por organização sindical, se preveem perturbações significativas na circulação de comboios, a nível nacional, no próximo dia 24 de julho”, avisa a empresa, em comunicado.

A paralisação está marcada apenas para esta sexta-feira, mas a CP alerta que o serviço poderá ser afetado, com a supressão de comboios, já está quinta-feira, “com especial incidência ao final do dia”, e no sábado, durante a manhã.

A empresa nota, além disso, que foram decretados serviços mínimos e sublinha que será garantido reembolso do valor total dos bilhetes ou a revalidação sem custos aos clientes que já tinham marcado lugar para viajar em comboios dos serviços Alfa Pendular, Intercidades, Interregional e Regional.

“A CP lamenta os incómodos causados aos seus clientes, recomendando a obtenção de informação sobre o estado da circulação de comboios através do contacto com os canais de informação da Empresa, cp.pt ou linha de atendimento 707 210 220″, é explicado.

Há duas semanas, os trabalhadores das bilheteiras e revisores da CP marcaram uma greve nacional para 24 de julho, que durará 24 horas, exigindo a retirada da proposta de regulamento de carreiras apresentada pela empresa, que consideram “humilhante”.

Segundo o dirigente sindical Luís Bravo, os trabalhadores “não aceitam” a pretendida “extinção, por fusão, das categorias de revisor e de operador de venda e controlo da bilheteira”, considerando que se “mistura o conteúdo funcional das categorias, quando um trabalhador itinerante não tem nada a ver com um trabalhador fixo de uma bilheteira ou vice-versa”.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

CP alerta para “fortes perturbações” na circulação de comboios esta sexta-feira por causa da greve

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião