Finangeste compra Trindade Domus no Porto por mais de 40 milhões de euros

A Finangeste adquiriu este empreendimento imobiliário no Porto em "joint venture" com um investidor institucional britânico.

A Finangeste comprou o Trindade Domus, um empreendimento imobiliário no Porto, por mais de 40 milhões de euros. A compra, assessorada pelo Departamento de Capital Markets da JLL, foi realizada pela empresa de recuperação de créditos e gestão de ativos imobiliários em joint venture com um investidor institucional sediado no Reino Unido.

O empreendimento, que se localiza junto à Câmara do Porto, tem, no total, “20.000 metros quadrados de área bruta locável, conjugando escritórios (60%) e uma galeria comercial (40%), além de possuir estacionamento para 496 viaturas”, adianta a JLL, em comunicado. Tem sete pisos acima do solo e três em cave.

Os escritórios do Trindade Domus, de 12.000 metros quadrados, são ocupados por empresas como a Randstad, Mindera, Armatis e as Viagens Abreu. Já na componente de retalho, concentra maioritariamente comércio e serviços de conveniência, como o ginásio Fitness Hut e o supermercado Froiz.

O processo de venda do ativo foi concorrido, com a JLL a receber mais de uma dezena de propostas, mas acabou assim por passar para as mãos da Finangeste. Este investimento “incrementa a nossa presença na cidade do Porto, cidade em que fortemente acreditamos e onde mantemos uma relevante intensão de investimento num futuro próximo”, refere a administração da empresa, citada em comunicado.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Finangeste compra Trindade Domus no Porto por mais de 40 milhões de euros

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião