Wall Street e petróleo recuperam após dia de tombos

Tendência positiva na tecnologia está a contagiar os restantes setores, numa altura em que os investidores digerem as notícias de que a AstraZeneca suspendeu os testes para a vacina contra a Covid-19.

As ações em Wall Street e os preços do petróleo estão em recuperação nesta quarta-feira, após o tombo da última sessão. A tecnologia liderou as quedas e corrige, agora com a ajuda da Tesla (que perdeu 70 mil milhões de dólares em capitalização na sessão anterior), mas também da Microsoft e da Apple.

O índice tecnológico Nasdaq negoceia em alta, a ganhar 2% para 11.064,77 pontos. A fabricante de carros elétricos liderada por Elon Musk dispara 6,5% para 351,55 dólares por ação, enquanto a Microsoft sobe 3% para 208,61 dólares e a Apple 3,35% para 116,60 dólares.

Entre o dinheiro barato da Reserva Federal norte-americana, os desenvolvimentos da luta contra o coronavírus e a aproximação das eleições presidenciais nos EUA, a expectativa dos analistas é de volatilidade nas ações. “Antecipamos uma continuação da correção nas ações tecnológicas por mais algum tempo, mas não esperamos um novo bear market“, disse Sam Stovall, chief investment strategist da CFRA, à Reuters.

O sentimento na tecnologia está a contagiar os restantes setores, numa altura em que os investidores estão a digerir a notícia de que a farmacêutica AstraZeneca suspendeu os ensaios clínicos de uma vacina para a Covid-19 devido a uma reação adversa num voluntário, enquanto analisa estas novas informações. O S&P 500 avança 1,14% para 3.369,82 pontos e o Dow Jones sobe 0,77% para 27.711,71 pontos.

No mercado petrolífero, a tendência é igualmente de inversão. Após perdas expressivas causadas pelo aumento de número de casos de coronavírus em vários países pesar nas expetativas de recuperação económica, a matéria-prima voltou a negociar em terreno positivo. O crude WTI negociado em Nova Iorque sobe 0,54% para 37,30 dólares por barril e o Brent de referência europeia ganha 0,25% para 40,03 dólares.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Wall Street e petróleo recuperam após dia de tombos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião