Alemães de olho no hidrogénio de Sines: “Está na nossa lista de desejos para 2021”

Marcus Guzmann, Chief Strategy Officer da empresa alemã Hydrogenious, revelou que está já a negociar a sua entrada no projeto H2Sines, do consórcio EDP/Galp/REN/Martifer/Vestas.

Em mais uma keynote talk da conferência “Portugal na Vanguarda do Hidrogénio Verde na Europa”, organizada pelo ECO e pelo Capital Verde, Marcus Guzmann, Chief Strategy Officer da empresa alemã Hydrogenious, revelou que está já a negociar a sua entrada no projeto H2Sines, do consórcio EDP/Galp/REN/Martifer/Vestas.

Veja aqui o vídeo:

“Está na nossa lista de desejos para 2021”, independentemente da assinatura de um memorando de entendimento entre Portugal e a Alemanha para o hidrogénio, garantiu. Conheça aqui os planos desta empresa para o hidrogénio em Portugal.

Para já, a Hydrogenius integra o projeto Green Crane (ex-Green Spider), com a espanhola Enagás e outras empresas internacionais, para produzir hidrogénio em Espanha e exportá-lo para o norte da Europa via porto de Roterdão, na Holanda.

A conferência “Portugal na Vanguarda do Hidrogénio Verde na Europa” é organizada pelo ECO/Capital Verde e conta com o apoio da EDP, REN, Martifer, Vestas, Galp e PLMJ.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Alemães de olho no hidrogénio de Sines: “Está na nossa lista de desejos para 2021”

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião