Regulador dos EUA aprova vacina da Moderna

  • ECO
  • 19 Dezembro 2020

É a segunda vacina a obter autorização para uso de emergência contra a Covid-19. A FDA aprovou a vacina da Moderna.

O regulador do medicamento dos EUA aprovou a vacina contra a Covid-19 desenvolvida pela Moderna, sendo a segunda vacina autorizada para uso de emergência depois da Pfizer.

A decisão foi tomada esta sexta-feira pela Food and Drug Administration (FDA), tendo sido antecipada pelo próprio Presidente americano, Donald Trump.

As autoridades de saúde americanas esperam agora que a Moderna entregue milhões de doses da vacina quando o plano de vacinação contra a Covid-19 já está em marcha. Iniciou-se esta semana com a vacinação dos profissionais de saúde, seguindo-se as pessoas idosas em instalações de saúde. A FDA já tinha autorizado há uma semana a vacina da Pfizer e da BioNTech.

Na União Europeia, o regulador deverá dar luz verde à vacina da Pfizer e da BioNTech já esta segunda-feira. Portugal deverá começar a vacinar a população contra a Covid-19 entre 27 e 29 de dezembro.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Regulador dos EUA aprova vacina da Moderna

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião