Segurança Social “atrasa” apoios a seis mil recibos verdes

  • ECO
  • 31 Dezembro 2020

Há milhares trabalhadores independentes a serem informados que ainda não é desta que vão receber o apoio extraordinário prometido desde julho. Processos vão ser reanalisados.

Há seis mil trabalhadores independentes que ainda não receberam o apoio extraordinário e que estão a ser agora informados de que os seus processos vão ser reanalisados até 7 de janeiro, avança esta quinta-feira o Correio da Manhã (acesso pago). A Segurança Social garante que não está em causa um atraso, mas de uma “segunda oportunidade”, porque a informação disponível levaria à rejeição destes pedidos, daí que se tenha decidido reanalisar os casos.

Ao jornal, o Instituto da Segurança Social explica que todos os trabalhadores independentes que reuniam condições para ver o seu pedido de ajuda deferido já receberam os pagamentos a 23 e 30 de dezembro, mas confirma há outros “recibos verdes” que estão agora a ser informados de que o seu processo será reanalisado. “Não se trata de um atraso, mas de uma segunda oportunidade”, garante a Segurança Social, referindo que a informação disponível levaria à rejeição destes pedidos, mas foi decidido reanalisar os casos.

A Segurança Social optou por não indeferir liminarmente, devido a informações que os levariam a ser excluídos, nomeadamente por receberem outras prestações, por não terem quebra de remuneração declarada ou por não preencherem a condição de recursos, estando a reavaliar todas as situações e a contactar as pessoas”, sublinha fonte do instituto ao Correio da Manhã. “Caso exista correção das desconformidades, os pagamentos serão feitos em janeiro”, garante a mesma fonte. Até agora, foram feitos 18 mil pagamentos do apoio extraordinário em causa.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Segurança Social “atrasa” apoios a seis mil recibos verdes

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião