Marcelo destaca vacinação e atribuição de ajudas financeiras na presidência da UE

  • Lusa
  • 5 Janeiro 2021

Marcelo Rebelo de Sousa antevê "seis meses de grande empenho das autoridades portuguesas e de afirmação de Portugal" com a presidência da UE.

O Presidente da República saudou e desejou êxitos à presidência portuguesa da União Europeia, destacando os processos de vacinação contra a Covid-19 e de atribuição de ajudas financeiras aos Estados-membros para fazer face à atual crise.

Numa nota divulgada no portal da Presidência da República na Internet, Marcelo Rebelo de Sousa antevê “seis meses de grande empenho das autoridades portuguesas e de afirmação de Portugal, quer em Bruxelas, mas também um pouco por todo o mundo“, como “ator internacional de primeira linha”.

“Ser Estado-membro da União Europeia torna-nos num ator internacional de primeira linha e esta presidência é um momento raro de dirigir os destinos e as tomadas de decisão desta comunidade de valores, de promoção da paz, dos direitos humanos, da igualdade, solidariedade e estabilidade e do bem-estar sustentável dos cidadãos europeus, mas também da melhoria das condições de vida em muitos outros locais do mundo”, considera.

Segundo o chefe de Estado, “é esta igualdade e solidariedade da União Europeia que vai permitir que os seus 450 milhões de cidadãos possam vir a ser vacinados” contra a Covid-19, “bem como atribuir as ajudas financeiras” para fazer face à crise social e económica causada pela pandemia.

Marcelo Rebelo de Sousa refere que “as prioridades definidas pelo Governo português para esta presidência”, durante o primeiro semestre de 2021, são “promover a recuperação, a coesão e os valores europeus, promover a União Europeia como líder na ação climática, acelerar a transformação digital ao serviço dos cidadãos e das empresas, valorizar e reforçar o modelo social europeu, promover uma Europa aberta ao mundo”.

“O Presidente da República saúda assim o início desta Presidência Europeia e deseja os maiores êxitos na sua realização”, lê-se na nota.

Portugal assumiu no dia 01 de janeiro, pela quarta vez, a presidência rotativa do Conselho da União Europeia.

O primeiro-ministro, António Costa, recebe esta terça-feira, 5 de janeiro, no Centro Cultural de Belém, em Lisboa, no presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, no primeiro encontro oficial da presidência portuguesa.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, estará presente no concerto inaugural da presidência portuguesa, também no Centro Cultural de Belém.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Marcelo destaca vacinação e atribuição de ajudas financeiras na presidência da UE

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião