EDP Renováveis fixa novo recorde e já vale mais que a EDP

As ações da EDP Renováveis valem quase 26 euros e fixaram um novo máximo histórico na sessão desta quinta-feira. A empresa já vale mesmo mais do que a casa-mãe.

A EDP Renováveis fixou um novo recorde na bolsa de Lisboa e já vale mais do que a própria casa-mãe. A produtora de energia renovável valorizou 7,28%, para 25,8 euros, assumindo uma capitalização bolsista na ordem dos 22,5 mil milhões de euros, contra os 21,96 mil milhões da EDP.

A empresa é já a cotada mais valiosa do PSI-20 e fixou um máximo histórico tangente aos 26 dólares, num dia em que a bolsa portuguesa subiu pela quarta sessão consecutiva, prolongando os ganhos expressivos registados na sessão anterior. Os ganhos na praça nacional acompanharam os da generalidade das bolsas mundiais, no rescaldo da conquista democrata do Senado e da confirmação da vitória de Joe Biden como presidente dos EUA. O principal índice português valorizou para máximos de fevereiro de 2020.

Concretamente, o PSI-20 valorizou 2,20%, para 5.282,02 pontos, enquanto o Stoxx 600 somou cerca de 0,67%, para 409,13 pontos. A subida da praça portuguesa foi sustentada pelo avanço notório das ações da EDP Renováveis, que registou o melhor desempenho da sessão.

Só esta semana, as ações da EDP Renováveis já acumulam um ganho de cerca de 13%. Em simultâneo, a EDP valorizou 1,16%, para 5,566 euros cada título.

Evolução das ações da EDP Renováveis em Lisboa:

A par do contributo positivo da família EDP, o BCP foi outro dos “pesos pesados” que contribuiu expressivamente para a subida do índice nacional. O banco liderado por Miguel Maya avançou 2,10%, para 14,57 cêntimos. Destaque ainda para a Nos e para a Galp Energia, cujas ações ganharam, respetivamente, 2,26% e 0,84%.

A Mota-Engil registou a segunda melhor performance, com um ganho de 3,83%, para 1,52 euros, no dia em que os acionistas aprovaram a autorização para a realização de aumento o capital em mais 100 milhões de euros, abrindo espaço para que os chineses da CCCC reforcem a sua recém-adquirida posição de 23%.

A redução da incerteza em torno da governação dos EUA, com a conquista da Presidência, do Senado e da Câmara dos Representantes pelo Partido Democrata, está a permitir que as bolsas mundiais conheçam novo território. A subida nos mercados europeus é acompanhada em Wall Street, com o S&P 500 a avançar 1,58%, o Dow Jones a somar 0,95% e o Nasdaq a subir 2,17%.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

EDP Renováveis fixa novo recorde e já vale mais que a EDP

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião