Pior dia da Covid-19 no país: mais 118 mortos e 10.176 casos

Portugal tem um total de 466.709 infetados e 7.590 mortes por Covid-19. Nos últimos três dias foram confirmados 30.130 novos casos.

A Direção-Geral da Saúde (DGS) identificou mais 10.176 casos de infeção pelo novo coronavírus em Portugal, elevando o número total de infetados para 466.709. O boletim epidemiológico desta sexta-feira indica que já morreram 7.590 pessoas com a doença, mais 118 nas últimas 24 horas. Foi, até ao momento, o dia com maior aumento de casos e de mortes.

Recuperaram mais 4.480 pessoas. No total, já 360.181 pessoas recuperaram da doença provocada pelo SARS-Cov-2. O número de recuperados não foi o suficiente para contrariar a subida dos casos ativos, no dia em que Portugal registou um novo máximo diário de casos.

Atualmente há 98.938 casos ativos, mais 5.578 que na quinta-feira. A maioria encontra-se a recuperar em casa, havendo ainda 3.451 hospitalizados, mais 118 que no dia anterior. Nos cuidados intensivos estão 536 pessoas, mais 22. Esta semana os internamentos aumentaram todos os dias.

Ao contrário dos últimos dias, é na região de Lisboa e Vale do Tejo que se encontra o maior número de novos casos (4.291), representando cerca de 42% do total. No Norte foram confirmados mais 2.969 casos, no Centro 1.963, no Alentejo 433, no Algarve 400, na Madeira 65 e nos Açores 55.

Foi também em Lisboa que morreram mais pessoas com Covid-19 nas últimas 24 horas, mais precisamente 44. Morreram mais 34 pessoas no Norte, 26 no Centro, nove no Alentejo, três no Algarve e duas na Madeira. Apenas a região dos Açores não registou óbitos no último dia.

O boletim epidemiológico dá conta de mais 5.390 pessoas sob vigilância ativa das autoridades de saúde, depois de terem contactado com outro caso positivo. No total, estão 109.161 pessoas nesta situação.

Com o agravar das infeções nos últimos dias (30.130 em três dias), tanto o primeiro-ministro como o Presidente da República já admitiram o agravar das restrições e, inclusive, um novo confinamento semelhante ao vivido em março.

(Notícia atualizada às 14h33)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Pior dia da Covid-19 no país: mais 118 mortos e 10.176 casos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião