Oeiras lança megaprojeto para se tornar Capital Europeia da Cultura

  • ECO
  • 13 Janeiro 2021

Oeiras vai investir 400 milhões num megaprojeto que visa a recuperação de edifícios históricos e a criação de novos espaços culturais. 50 milhões já estão adjudicados às obras dos paços do concelho.

A autarquia de Oeiras tem em marcha um megaprojeto que visa a recuperação de edifícios históricos e a criação de novos espaços de dinamização cultural. Um investimento de 400 milhões de euros, avança o Diário de Notícias (acesso pago), alavancado na candidatura de Oeiras a Capital Europeia da Cultura em 2027.

“Em seis anos vamos investir 400 milhões de euros, sendo que 50 milhões já estão adjudicados às obras dos novos paços dos concelho que vão começar em breve”, revelou ao DN, presidente da Câmara, Isaltino Morais, garantindo ainda que Oeiras vai dar “um salto qualitativo e quantitativo” em termos culturais.

Para o autarca, este megaprojeto que já está em marcha é “o início de um novo ciclo de desenvolvimento”, alavancado na candidatura de Oeiras a Capital Europeia da Cultura em 2027, que contará com a concorrência de Leiria, Coimbra, Faro, Viana do Castelo, Aveiro, Évora, Braga e Guarda.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Oeiras lança megaprojeto para se tornar Capital Europeia da Cultura

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião